16 gatos que seriam sacrificados são resgatados

Animais foram encaminhados para uma ONG (Foto: Claudinho Coradini/JP)

A Polícia Civil de Piracicaba resgatou ontem 16 gatos que seriam sacrificados em rituais religiosos. Os animais estavam presos em uma casa no bairro Santa Rosa. Os policiais chegaram ao local após denúncia da protetora e suplente de vereador, Thaty Freitas. Na residência, localizada na rua Padre Fernando Guarda, foram encontrados seis gatos adultos e dez filhotes, alem de um gato morto e já em estado de decomposição.

De acordo com os policiais, no interior da residência, havia materiais e trajes usados em rituais de magia. Segundo as informações registradas no Boletim de Ocorrência, o morador da casa teria se mudado, deixando os gatos no imóvel.

Os policiais do 4º Distrito Policial registraram que parte dos animais apreendidos está com a saúde debilitada.

Os gatos foram resgatados e encaminhados a uma ONG (Organização Não Governamental) onde passariam por atendimento veterinário.

A ocorrência foi registrada como prática de abuso a animais. No documento registrado pela Policia Civil, consta que o local era usado para sacrifícios de animais.

O delegado Fábio Rizzo de Toledo informou que será instaurado um inquérito para apurar o caso.

ADOÇÃO

Thaty disse que os vizinhos da residência denunciaram para ela o sacrifício dos animais. “os vizinhos conhecem o meu trabalho e por isso me chamaram”, contou a protetora.

Nesta sexta-feira, os dez filhotes foram para a ONG Gatos de Rua. Segundo ela, os animais serão cuidados, castrados e em seguida doados. Já os adultos ficaram com uma protetora de sua equipe que viabiliza lares transitórios até que os animais sejam adotados de forma responsável.

“Vamos cuidar e fazer as doações responsáveis, no momento, todos ainda estão sendo cuidados”, explicou.

Beto Silva
[email protected]

LEIA MAIS:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

7 − 2 =