encontro
Integrantes do grupo, fundado em 2015 para tratar da representatividade negra. (Divulgação)

O primeiro Encontro de Wakandianos promovido pelo coletivo Prunegro — Coletivo de Juventude Negra de Piracicaba acontece amanhã, às 15h30, na Casa do Hip Hop. O evento terá roda de conversa sobre representatividade negra, gênero, música e história da África, a partir do filme Pantera Negra, lançado em fevereiro e que trata de um príncipe do reino de Wakanda. A entrada é gratuita e serão distribuídos suco e pipoca. A realização da atividades é em parceria com o Cine Barranco.

“Queríamos realizar algo que trouxesse uma representação negra e positiva, diferente daquilo que se vê na mídia convencional. Percebemos a necessidade de trazer algo que fosse próximo e de interesse aos jovens, por isso escolhemos uma produção cinematográfica”, disse Bruna Raphael, uma das fundadoras do coletivo Prunegro.

Ela comentou que o coletivo busca reavivar e apresentar para as pessoas filosofia, ancestralidade, costumes, moda e arte utilizando recursos de áudio e vídeo. “Estamos muito acostumados à visão eurocêntrica do mundo. A história da África ainda é pouco ensinada, apesar das Leis 10.639 e 11.645, que tornam obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas, públicas e particulares, do ensino fundamental até o ensino médio”, afirmou.

Conforme Amanda Nainá, outra integrante do Prunegro, o coletivo surgiu, em 2015, da necessidade de organização, articulação e formação de lideranças políticas de juventude negra em Piracicaba para tratar das questões raciais. “O intuito é evidenciar esse racismo nada velado, que é a herança de um passado escravagista que se propaga nas relações sociais, culturais, políticas, econômicas, que sendo estrutural e estruturante, refletem em toda população negra brasileira, em forma de violências e desigualdades”, falou.

A estreia do coletivo Prunegro aconteceu em reunião no Sesc e contou com a participação de 35 pessoas, dentre elas pesquisadores, jovens estudantes e artistas. A proposta de formação está aliada a reuniões quinzenais na instituição.

SERVIÇO — Encontro de Wakandianos. Amanhã, às 15h30, na Casa do Hip Hop (rua Jaçanã Altair Pereira Guerrine, 188, Higienópolis). Entrada gratuita. Informações: (19) 99710-1447

 

(Leonardo Benedito)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

catorze + seis =