80% dos idosos com 90 anos ou mais em Piracicaba foram vacinados contra a Covid-19

Idosa recebe primeira dose da vacina contra a covid-19 no drive thru | Foto: Claudinho Coradini/JP

Dados da prefeitura levam em conta a quantidade de vacinados até 15 de junho; de todo o grupo de 60 anos ou mais, percentual de imunizados com a 1ª dose é de 97%.

A cobertura vacinal da Covid-19 em idosos de 90 anos ou mais em Piracicaba é de 80%, conforme dados informados pela prefeitura. O número considera pessoas que tomaram a 1ª dose da vacina até 15 de junho.

Conforme informado ao G1 pela Secretaria de Saúde, entre os grupos com 60 anos ou mais, os idosos acima de 90 anos tem a cobertura mais baixa de 1ª dose. Das 2.160 pessoas estimadas nesse grupo, 1.735 receberam a dose. Entre elas, 1.663 tomaram a 2ª dose.

Já no grupo de 75 a 79 anos a cobertura vacinal ultrapassou os 100% na 1ª dose. Eram 8.040 idosos estimados nesse grupo, mas receberam a vacina 8.074, ou seja, 100,42%.

Se somadas as primeiras doses aplicadas em todos os grupos, a cobertura vacinal de idosos é de 97,17%. Segundo a prefeitura, a meta é vacinar 90% da população.

“A prefeitura considera a adesão do grupo acima dos 60 anos como muito boa na vacinação contra Covid-19, uma vez que mais de 97% desse público já recebeu a 1ª dose”, diz a administração.

2ª dose

Já em relação às segundas doses, a Saúde informou que a adesão ainda é abaixo da meta para a maior parte dos grupos porque muitos ainda não estão no prazo para receber a dose de reforço.

“A aplicação da 2ª dose para algumas faixas etárias de idosos ainda está ocorrendo, uma vez que muitos tomaram a vacina AstraZeneca/Oxford/Fiocruz, que demanda intervalo de 12 semanas entre a 1ª e 2ª doses.”

A Saúde também informou que a cobertura de segunda dose entre idosos acima de 70 anos é mais alta por conta do imunizante usado nesse caso, a CoronaVac. O intervalo de aplicação entre as doses da vacina do Butantan é de 21 a 28 dias.

O grupo com maior adesão da dose de reforço por enquanto também é de idosos de 75 a 79 anos. Entre os 8.074 imunizados com a 1ª dose, 7.670 já tomaram a 2ª. O percentual é de 95,40% em relação à população total do grupo.

Da Redação

*Com informações do G1

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

seis + 1 =