A importância da fé

A beautiful shot of a female with her hands near her mouth while praying with a blurred background Pessoas foto criado por wirestock - br.freepik.com

Dentre os aspectos que caracterizam a condição humana, a fé se destaca pela sua influência benéfica nas mais diferentes situações da vida. Quando passamos por circunstâncias adversas – o que inevitavelmente ocorre a todos – reconhecemos de modo especial a importância da fé.

Existem condições difíceis e desafiadoras que nenhuma força humana é capaz de solucionar, restando apenas a fé como sustentáculo e apoio ao prosseguimento nas ações que se fazem necessárias.

Mesmo em períodos de relativa tranquilidade – cada vez mais raros na época atual – a fé tem o seu papel, garantindo o equilíbrio psíquico, alimentando com forças e energias renovadoras, impulsionando na caminhada rumo a condições melhores de existência.

As pessoas portadoras de fé verdadeira possuem um tesouro de inestimável valor, capaz de lhes fortalecer e sustentar em situações nas quais, destituídos dessa dádiva, não conseguiriam prosseguir.

Certamente necessitamos da razão para compreender determinados fatos e para agir com coerência e lucidez, mas onde o pensamento se mostra insuficiente ou impotente seguramente precisamos da fé, a qual provém de níveis mais profundos do ser, que estão além da personalidade (pensamentos e sentimentos). A fé ilumina o pensar e o sentir, a fim de que se possa agir da melhor maneira possível, pois as diversas faculdades psíquicas coexistem e devem atuar em harmonia.

Muito além de crenças, condicionamentos ou obediência a convenções, a fé provém do mais íntimo de cada ser, portanto está acessível a todos, sem exceção. Existem pessoas que não pertencem a nenhum movimento religioso convencional, cuja fé é um verdadeiro farol a lhes iluminar o caminho e a lhes dar força nas ocasiões mais difíceis. Por outro lado, há quem professe determinada crença religiosa mas, diante de problemas graves, acabe caindo no desânimo ou no desespero.

O Mestre Jesus afirmou e demonstrou que a fé move montanhas, o que traz grande motivação na conquista dessa virtude – patrimônio íntimo e inalienável de cada um. Nesse sentido, orientações espirituais podem se fazer necessárias, principalmente quando têm caráter esclarecedor e educativo, ou seja, quando instruem sobre as leis que regem a vida humana e orientam sobre o autoconhecimento que propicia o despertar e o fortalecimento da fé. Quem mais precisa de orientação e apoio exterior é quem ainda não possui um contato profundo com a própria essência espiritual – o que, por enquanto, ocorre com a maioria de nós. Quem desperta para a própria realidade interior e descobre a fonte que o alimenta, permitindo ser por ela preenchido, passa a irradiar bênçãos e paz aos demais seres. Aqueles que, por sua vida e obra, demonstram ter alcançado tal nível de realização interior, afirmam serem alimentados, sustentados e fortalecidos por uma fé inabalável.

Devido às limitações da dimensão material, é impossível solucionar os problemas existenciais apenas a partir dela. Por isso a fé desempenha um papel fundamental na condução dos destinos humanos, ao fornecer energias, estímulos e forças que provêm de níveis mais sutis, a partir dos quais se pode obter segurança, equilíbrio e coragem.

As instruções espirituais, a oração, a meditação e a reflexão favorecem o desenvolvimento e o fortalecimento da fé, portanto são práticas recomendáveis. Em um mundo complexo e desafiador, essas práticas simples e acessíveis se mostram cada vez mais preciosas a quem busca uma vida saudável, harmoniosa e feliz.

Leia Mais:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezesseis − 5 =