Acumulador é encontrado morto dentro de casa em Piracicaba

Foto: Claudinho Coradini/JP

Paulo Garcia, 55 anos, conhecido como Bin Laden, não era visto pelos vizinhos desde a segunda-feira

O corpo do catador e acumulador de recicláveis Paulo Sérgio Garcia, 55 anos, foi encontrado no início da tarde desta quarta-feira (21), no banheiro da casa na rua Elis Regina, onde ele morava sozinho há dez anos. Bin Laden, como era conhecido no bairro Alvorada 1, recolhia materiais pela região e acumulava os inservíveis nas áreas interna e externa do imóvel. Ontem, vizinhos e familiares decidiram acionar a polícia e o Corpo de Bombeiros, pois o morador da casa de número 26 não era visto desde a segunda-feira (18). O silêncio do vizinho comunicativo intrigou os moradores mais próximos, que decidiram falar com a família e – em conjunto – acionaram a polícia.

Devido à grande quantidade de material dentro da casa, os bombeiros contaram com a ajuda da Defesa Civil do município, que auxiliou na retirada dos inservíveis.

O corpo de Garcia foi encontrado no início da tarde, após a retirada de três caminhões de entulho, conforme contou o coordenador da Defesa Civil, Odair de Melo. Após o reconhecimento pela família, o cadáver foi levado ao IML (Instituto Médico Legal), onde a causa da morte deverá ser investigada.

O vizinho Hugo Carvalho contou que diariamente Garcia era visto trabalhando no recolhimento de materiais pelas ruas do bairro. “Ele passava, conversava com a gente, parecia ser uma pessoa boa. Todo mundo aqui do bairro o conhecia, o ajudava, brincava com ele, que era bem extrovertido”, lembrou destacando a disposição para o trabalho. “Ele trabalhava bastante, até nos dias de chuva ele usava sacolinhas pra não tomar chuva e sempre estava trabalhando, era bem esforçado”, acrescentou.

Após a retirada do corpo do morador, familiares, vizinhos e funcionários da Defesa Civil seguiram com a retirada do material. De acordo com Melo, havia muitos ratos na casa e o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) deve fazer uma avaliação nesta quinta-feira (21) para ações de desratização. Ele não soube quantificar o material na casa.

“Vamos retirar todo o material e, com apoio de um caminhão-pipa, vamos lavar, após isso o CCZ faz uma avaliação”, explicou. Melo disse que os familiares seguiram com a limpeza da residência e a equipe dos servidores públicos retornam nesta quinta-feira para continuidade do trabalho de limpeza.

Beto Silva
[email protected]

Foto: Claudinho Coradini/JP
Foto: Claudinho Coradini/JP

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

2 × 4 =