Acusado de tentar matar a ex a tiros é preso pela PM

Suspeito foi localizado dentro da casa da família e teria jogado sua arma ao chão (Divulgação/Polícia Militar)

A Polícia Militar prendeu um homem de 41 anos, após ser acusado de atirar em direção da ex-esposa, na casa da família, no Monte Rey 2, no início da noite desta segunda-feira (4). A vítima não foi atingida pelos disparos. Um vizinho avisou a polícia e o suspeito foi preso dentro do imóvel. O revólver que seria usado pelo suspeito foi apreendido pelos PMs.

De acordo com a Polícia Militar, às 18h50, um solicitante entrou em contato com a corporação, por meio do telefone 190, do Copom (Centro de Operações da Polícia) informando sobre uma discussão entre o casal e que o homem estaria armado.

Os policiais seguiram até a casa da vítima. A mulher teria informado que seu companheiro estava com uma arma em punho e que minutos antes, ele tinha tentado matá-la.

Os policiais entraram na casa e localizaram o suspeito, que não teria resistido à abordagem e teria jogado a arma ao chão.

Levado ao plantão policial, o homem foi autuado em flagrante sob acusação de tentativa de feminicídio e em seguida foi levado à carceragem, onde ficou à disposição da Justiça. O caso será apurado posteriormente pelas investigadoras da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher).

A vítima não informou à Polícia Civil, se ela sofrera outras agressões do companheiro.

CAPIVARI

Um homem acusado de agredir a ex foi preso pela Polícia Civil de Capivari, no bairro Moretto, após o cumprimento de um mandado de prisão preventiva.

De acordo com a Polícia Civil, o agressor já cumpria prisão domiciliar, por envolvimentos em outros crimes.

Em nota, a Polícia Civil informou que as delegacias de polícia, são serviço essencial e continuam funcionando normalmente, respeitando as orientações de segurança contra a propagação da covid-19.
A Delegacia de Defesa da Mulher de Capivari vem atuando incessantemente nos casos de solicitação de medidas protetivas de urgência e pedidos de prisões.

DENÚNCIAS

As denúncias podem ser feitas através dos canais: disque denúncia 180, site da Delegacia Eletrônica, 190 da Polícia Militar, 153 da Guarda Civil Municipal ou pelos telefones (19) 3491-4181 ou 3491-2563, da Delegacia de Defesa da Mulher da cidade.

Cristiani Azanha

[email protected]