Água Santa, Oeste e XV de Piracicaba dividem a liderança

XV venceu a quarta e a Portuguesa continua sem vitórias na Série A2 Foto: Michel Lambstein

A quarta rodada do Campeonato Paulista Série A2 terminou no último domingo (14), e quatro times continuam com 100% de aproveitamento: Água Santa, Oeste e XV de Piracicaba, que havia assumido a ponta no sábado (14), após vitória por 2 a 1 sobre a Portuguesa, mas caiu para a terceira posição com os triunfos do Netuno e do Rubrão, respectivamente. Ambos têm 12 pontos, mas o Nhô Quim tem saldo de gols de +4, contra +7 do Água Santa, e +5 do Oeste, respectivamente.

Além do trio, mais quatro equipes do G-8 estão invictos na competição: Rio Claro (quinto), Juventus (sexto), São Bernardo FC (sétimo) e Atibaia (oitavo), todos com uma vitória e três empates (seis pontos) na competição. Entre o trio 100% e o quarteto invicto, está o Red Bull Brasil, com sete pontos e que foi derrotado justamente pelo Galo Azul no último fim de semana.

Portuguesa Santista, Velo Clube (que venceu a primeira na rodada passada) e Monte Azul aparecerem logo atrás, enquanto algumas equipes ainda não venceram na competição, entre elas a Portuguesa, tida como uma das favoritas e que fez apenas dois pontos em 12 possíveis. Completam a lista dos times que ainda não venceram, o Sertãozinho, Taubaté, Audax e EC São Bernardo, sendo que esses dois últimos estão na zona de rebaixamento, com o Cachorrão sendo a única equipe que perdeu os quatro jogos e ainda não fez gols.

O JOGO
Os visitantes chegaram pela primeira vez depois de cobrança de escanteio de Vinícius Silva, aos 13 minutos, que foi até Júnior Prego na segunda trave. O camisa 11 bateu para o gol, sem conseguir colocar muita força, e Matheus Nogueira encaixou, com tranquilidade. O XV abriu o placar aos 29 minutos. O lateral-esquerdo Ronaell cruzou de direita, na medida para Jean Dias cabecear na segunda trave: 1 a 0. A Portuguesa ainda tentaria na etapa inicial aos 43 minutos. Raphael Luz recebeu pela direita, levou para dentro e finalizou de esquerda, a bola pegou na defesa quinzista e sobrou para Walfrido, que mandou por cima do gol.

O atacante oriundo das categorias de formação do Nhô Quim, logo aos cinco minutos, após cobrança de escanteio de Mazinho, cabeceou para fora. No lance anterior, Jean Dias sentiu um problema físico e foi substituído por Guilherme Garré. Aos 13, Maykinho avançou pela esquerda, invadiu a área e arrematou na rede, pelo lado de fora.

O segundo do Alvinegro Piracicabano começou em ótima arrancada do próprio Erison, aos 26, deixando dois marcadores para trás. Ele tocou de lado para Juninho Potiguar, com categoria, de chapa, marcar. O time da capital paulista fez o seu gol depois que o árbitro marcou toque de mão de Cleiton Savedra dentro da área. Pênalti que Raphael Luz converteu, aos 40 minutos. Nos instantes finais, Maykinho ainda chutou cruzado, de dentro da área, e Matheus Nogueira defendeu.

CONTINUIDADE DA COMPETIÇÃO
A FPF (Federação Paulista de Futebol) se reuniu na manhã de ontem (15), com Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico, Aildo Rodrigues Ferreira, secretário de Esportes, e Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional, no Palácio dos Bandeirantes, para tratar da continuidade do Campeonato Paulista na Fase Emergencial. A FPF agora se reunirá com o Ministério Público Estadual. Por esta razão, as reuniões que estavam agendadas com os clubes nesta segunda-feira foram adiadas para terça-feira.

Mauro Adamoli

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

1 + dezenove =