Animais estavam há dois dias sem comer na Comunidade Três Porquinhos

1
551 views

Sem comer há pelo menos dois dias, foi dessa forma que a protetora Thaty Freitas encontrou três cães e três gatos que pertenciam a uma moradora na Comunidade Três Porquinhos, anteontem à tarde. A situação também é crítica para o casal de moradores que também estão sem quase nada para comer. A atual pandemia da covid-19 contribuiu para a perda de muitos empregos, principalmente, os informais como no caso do casal, que não tinha emprego fixo.

“Recebemos o pedido de ajuda, por meio do gabinete do vereador Paulo Campos (Podemos) e quando chegamos na casa encontramos uma situação bem precária. A moradora disse que às vezes também alimenta alguns cães e gatos da comunidade, mas desta vez, não tinha nem para os seus. Conseguimos doações de dois sacos de ração para cães e outro para gatos, para pelo menos amenizar”, disse Thaty Freitas.

Thaty conseguiu entregar saco de ração (Divulgação)

A protetora alegou ainda que os animais também estavam debilitados. “Fornecemos vermífugo e vitaminas. Assim que estejam aptos também deverão ser castrados. Precisamos reforçar a conscientização que a posse de qualquer animal deve ser responsável, pois são pela vida toda, não podem ser desprezados, abandonados ou receber maus-tratos. No caso da tutora percebemos que a situação dela também é bem precária”, ressaltou. “Também fiquei com o coração partido porque nem sempre conseguimos fazer todos os resgates que queríamos”, comentou a protetora.

DOAÇÕES

Thaty disse que quem quiser pode ajudar com doações de rações para cães, gatos e medicamentos veterinários. Com relação aos moradores da comunidade, a protetora disse que as pessoas que quiserem realizar algum tipo de doação como mantimentos, roupas ou materiais de higiene podem entrar em contato com o telefone (19) 98290-8284.

LEIA MAIS

Cristiani Azanha

[email protected]

1 COMMENT

  1. Pessoas e animais morrendo de fome, e muitos dizendo que esta doença tem que passar ou está todo mundo vacinado para trabalhar, lamentável! Neste caso, quem mais sofre são os cachorros que necessitam de humanos (auxílio) para serem alimentados, ainda que muitos cães se alimentam de lixos na rua.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

cinco × um =