Após 1 mês, estacionamento volta a ser cobrado no Centro

Cobrança da Zona Azul ficou suspensa por um mês. (Foto: Amanda Vieira/JP)

Depois de suspensa por um mês, a cobrança do estacionamento rotativo na região central de Piracicaba foi retomada nesta segunda-feira. A Prefeitura de Piracicaba, por meio da Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes), retomou a operação do estacionamento rotativo (Zona Azul) do município nesta segunda-feira.

A decisão consta em portaria assinada ontem, e considera o decreto municipal da última sexta-feira, que prorrogou a vigência da quarentena e as medidas de restrição estabelecidas na Fase 1 (Vermelha) do Plano São Paulo para o enfrentamento da pandemia.

A cobrança da Zona Azul ficou suspensa de forma temporária pelo período de 12 de março a 11 de abril, devido à Fase Emergencial do Plano São Paulo e do decreto municipal que estabeleceu fase mais restritiva no município para diminuir a circulação de pessoas entre 27 de março e 4 de abril.

De acordo com o último decreto, somente poderão funcionar com atendimento presencial no município, nesse período, os serviços considerados essenciais, tais como hospitais, clínicas, farmácias, clínicas odontológicas, óticas e estabelecimentos de saúde animal.

Nos supermercados, hipermercados, açougues e padarias, lojas de suplemento e feiras livres, fica vedado o consumo local.

CARTÃO IDOSO

A emissão e renovação dos cartões de vagas especiais exclusivas para idosos e pessoas com deficiência estão suspensas enquanto durar a quarentena, de acordo com portaria da Semuttran.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

3 × cinco =