Após abandono, fome e frio, Scooby quer novo lar

Após 15 dias difíceis, em que esteve preso em uma pequena garagem, na região do Piracicamirim, recebendo comida e água pelas frestas do portão e enfrentando o frio das noites no início do mês, Scooby, um cão de um ano, que perdeu o tutor para a covid-19, quer agora a chance de recomeçar em uma nova casa, com uma nova família. Depois de ser socorrido pela protetora independente, Fernanda Santos, a fase de abandono já é coisa do passado.

O cão foi levado à clínica veterinária Bichos e Amigos onde passou por atendimento e hoje está castrado, vermifugado e com as vacinas em dia, como destaca Fernanda. “Ele estava com carrapato, desnutrido e com emagrecimento, passou muito frio e os vizinhos o alimentavam pelas frestas do portão”, contou a protetora, que agora busca uma nova casa para Scooby. Ela contou que, após a morte do tutor, por covid-19, a família abandonou o animal, que passou a ser cuidado pelos vizinhos de forma improvisada. Quando soube da situação de abandono, Fernanda resgatou e levou o cão à clínica. “Quem o adotar vai ter um animal especial, ele ficou com o tutor até a hora da sua morte, foi até que a morte os separassem”, contou emocionada. Além de protetora, ela é fundadora do canal Patas Curadas, no Youtube.

Nele ela posta histórias como a de Scooby e também finais felizes de animais que, apos resgatados e cuidados, encontraram uma família e tiveram uma outra chance. Segundo ela, o cãozinho está com a saúde em condições perfeitas e já pode ser adotado. A partir de outra parceria, Scooby está no hotel Achempet, até encontrar um lar definitivo. As pessoas interessadas, podem acessar as redes sociais (Instagram e Facebook) do Patas Curadas. “Agora eu preciso correr para vender rifas e custear o preço do tratamento do Scooby”, disse a protetora.

Beto Silva

[email protected]

Leia Mais:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

13 − onze =