Gus Centtini lança segunda HQ autoral hoje no Guilda Colecionáveis | Foto: Claudinho Coradini

Inspirado num mundo de ficção com nuances medievais, Grax é a segunda HQ (história em quadrinhos) autoral do artista piracicabano Gus Centtini (o nome artístico de Gustavo Piacentini). O lançamento local é hoje, a partir das 19 horas, no Guilda Colecionáveis. A entrada é gratuita e o gibi será vendido no local por R$ 15.

A HQ, em formato americano e com 30 páginas, contendo história, informações sobre contexto gráfico e histórico, tem roteiro e arte de Gus Centtini. Outros envolvidos na produção são Deyvison Manes (letras) e Cristina Futida (revisão),

“Grax”, conta o artista, é a história de um guerreiro, o Grax, que se envereda por Balrhuan, a região mais selvagem e perigosa de Ghan, exatamente o mesmo universo concebido por Centtini para ambientar o enredo do seu primeiro HQ, “The Guardian – Em Busca da Luz”.

“São histórias distintas, apesar de acontecer no mesmo mundo de Ghan”, ele destaca. “Podem ser lidas individualmente. É a tendência do mercado profissional da HQ, a one shop, que pega, lê, com começo, meio e fim”, completa Centtini.

O protagonista da história, ressalta o autor, é uma espécie de “Conan que pensa”, em alusão ao guerreiro bárbaro famoso imortalizado HQs e pelo clássico filme de 1982, com Arnald Schwarzenegger.

Apesar de ser o lançamento oficial em Piracicaba, Centtini originalmente lançou “Grax” no final do ano passado, na gigante feira especializada que anualmente acontece em São Paulo, a ComiCom.

Foi na mesma ComiCom, mas de 2018, que Centtini lançou sua primeira HQ, “The Guardian”, editada com apoio do Proac (Programa de Ação Cultural) independente. “A HQ foi selecionada para a ComiCom e eu só tinha ela para oferecer na minha mesa. Antes, havia enviado para sites especializados e canais de Youtube. Vendi vários exemplares graças a uma resenha positiva no Pipoca & Nanquim. A The Guardian foi indicada por eles como uma das mais interessantes HQ nacionais da atualidade”, conta o artista.

Além do lançamento e da sessão de autógrafos de “Grax”, o evento na Guilda Colecionáveis também terá um bate-papo sobre HQ. Quanto a uma nova produção, Centinni é enfático. “Sou professor de inglês na rede particular e estadual de ensino e ocupei as férias do fim de ano exatamente pensando numa terceira HQ”.

Erick Tedesco ([email protected])

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

20 − 6 =