As nove mentes do Eneamind: qual é a sua?

Conheça as nove mentes apresentadas pelo professor Trombetta no Eneamind, identifique o seu eneatipo e descubra as virtudes que pode desenvolver para sair do piloto automático e seguir o caminho que você sempre sonhou. | Foto: Divulgação

Junção de duas palavras de origem grega – ênea (nove) e grammos (figura, desenho), o eneagrama é uma figura geométrica de nove pontas que representam os nove tipos de personalidades presentes na natureza humana. Pela lógica deste conhecimento milenar, o fim é sempre o início de um novo ciclo.

Foi a partir dele que o professor, mentor e empresário Marcos Trombetta desenvolveu o Eneamind, apresentado no livro homônimo lançado recentemente pela Luz da Serra Editora. Essa metodologia permite identificar a personalidade de cada eneatipo para romper com os paradigmas – que criam limitações a partir das crenças e hábitos de cada um.

Conheça as nove mentes apresentadas pelo professor Trombetta no Eneamind, identifique o seu eneatipo e descubra as virtudes que pode desenvolver para sair do piloto automático e seguir o caminho que você sempre sonhou.

O perfeccionista

Sempre à frente, é um líder nato. É extremamente correto e se sente frustrado quando alguém descumpre os combinados, bagunça sua organização ou duvida da sua moral. O medo fundamental dele é ser mau, corrupto, perverso e falível. Teme não ser uma pessoa ética, correta e confiável. A virtude a ser buscada é a serenidade. E, para isso, a meditação é um ótimo exercício. Procure relaxar e deixar a raiva ir embora. Não leve a vida tão a sério.

O prestativo

Sua maior dificuldade é dizer não para os outros. Coloca a necessidade das outras pessoas sempre em primeiro lugar, tanto que, muitas vezes, nem sabe do que precisa para si. É paciente, ouve com atenção e sempre tem um bom conselho para dar. Por ser assim, se irrita quando não recebe toda a atenção de volta. O perfil prestativo está no centro emocional e tem o foco na autoimagem para chamar atenção. A virtude que deve buscar é a humildade.

O bem-sucedido

Quer parecer alguém de sucesso, por isso é preocupado com a imagem. Busca status, apesar de ser bem-sucedido e querido pelos outros. Tem o vício emocional da vaidade e por isso quer se sentir o melhor. O medo fundamental desse eneatipo é não ser valorizado, a não ser por aquilo que realiza. Por isso, a virtude a ser buscada é a sinceridade. O que importa de verdade é o que você sabe e enxerga em si mesmo.

O melancólico

É criativo, mas aparenta estar sempre triste. Carrega em si todo o sentimento do mundo, e acredita que ninguém mais é assim. Este perfil deve tomar cuidado com toda essa melancolia, com a tristeza que rege a sua vida. Deve estar mais consciente e esperar menos dos outros. O vício emocional é a inveja – sente que falta algo em si e que isso está em outras pessoas. A saída é parar de se esconder e desenvolver os aspectos mais positivos da sua personalidade.

O observador

Tem um pensamento extremamente analítico e observador. Não gosta que invadam seu espaço, daí a dificuldade nos relacionamentos. Tem excelentes ideias, mas não as coloca em prática, pois nunca se convence de que está pronto. Seu maior desafio é partir para a ação. Uma saída pode ser encontrar um sócio com uma personalidade mais empreendedora. O medo deste perfil é ser indefeso, inútil e incapaz. A virtude que precisa buscar é o desapego da mente. Chega de estudar; arrisque-se!

O questionador

Gosta de entender o motivo para fazer qualquer coisa. E, depois que entende, vai até o fim. Por ser tão cuidadoso, fica ansioso e depende muito da opinião e feedback dos outros. Fiel nos relacionamentos, é alguém em quem se pode confiar de olhos fechados. Seu vício emocional é o medo, principalmente de errar. Não se sente capaz de viver sozinho, por isso seu maior desejo é encontrar apoio e segurança. As virtudes que deve buscar são a coragem e a confiança em si mesmo.

O sonhador

É divertido, brincalhão, super adaptável, todos o querem por perto. Entusiasta, acha que tudo vai dar certo. Porém, perde o interesse rápido. Não quer se prender a um relacionamento para viver a liberdade na sua plenitude. Seu vício emocional é a gula, não necessariamente por comida, mas uma fome insaciável por aventuras, pelo novo. O medo do sonhador é sofrer dores e privações. Seu desejo fundamental é ser feliz, satisfazer-se, realizar-se. Para isso, precisa colocar mais os pés no chão, buscar estabilidade e ser mais firme no que faz.

O confrontador

Independente e autossuficiente, este perfil não se permite falhar. Estourado, se irrita com facilidade e não mede esforços para conseguir o que quer. Tem medo de ser magoado ou controlado, ter seu espaço invadido e ser traído pelos amigos, pela família, pelo(a) parceiro(a). Seu maior desejo é se proteger e determinar o curso da própria vida. Não quer receber ordens, sabe o que é melhor para si. Precisa aprender a ouvir os outros, diminuir seus padrões e ser grato pelo que já tem. Buscar a virtude da inocência.

O preservacionista

Tem um coração gigante, sempre pronto para confortar as pessoas. Dedicado, pode passar a maior parte do tempo preocupado com metas e objetivos dos outros. Para si, não faz muita questão. Sente que já tem tudo o que precisa. Na verdade, este perfil não quer se incomodar, por isso seu maior vício emocional é a accidia, uma indolência mental, a vontade de não fazer esforço além do necessário. Seu medo fundamental é o da perda, da separação e da aniquilação. A virtude a ser buscada é fazer o que tem que ser feito, quer goste ou não.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezoito + dois =