Governador João Doria anunciou novas medidas para contenção do Covid-19 em SP (Foto: Divulgação)

Piracicaba registrava até o final da tarde de ontem, 32 casos suspeitos de coronavírus e outros 17 foram descartados. Entre os suspeitos está um bebê de um ano de idade que teve contato com uma pessoa que reside em São Paulo. O número de casos suspeitos na cidade chegou a 37, mas cinco deles foram descartados ao longo do dia.

A Secretaria de Saúde do Estado anunciou ontem dois novos óbitos relacionados à Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. Um paciente tinha 65 anos e outro 80 anos.

Pela primeira vez, ontem, o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) reuniu nove ministros para uma coletiva de imprensa sobre a doença. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre e os ministros de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) Augusto Heleno, testaram positivo para o coronavírus, ontem.

Em Piracicaba, o aumento de casos suspeitos e os reflexos da doença no país já preocupam os setores produtivos. O prefeito Barjas Negri (PSDB) se reuniu com sindicalistas ontem de manhã.

Barjas comentou que, desde a última sexta-feira (13), vem se reunindo com diferentes setores para antecipar as ações conforme a evolução da doença no País, no Estado e em Piracicaba. Na cidade são 32 casos de pessoas com suspeita da doença, mas nenhum confirmado.

Os sindicatos disseram ao prefeito que estão abertos ao diálogo com os empresários para que, juntos, enfrentem a crise que poderá se desencadeada com a doença. Além disso, perguntaram sobre a conclusão da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Cristina, que poderá ser um local de referência para o atendimento dos pacientes.

Barjas explicou que a unidade está na fase de conclusão e que os equipamentos estão comprados. Ele não descartou utilizar o local como referência, caso seja necessário.

Com o objetivo de traçar ações conjuntas para auxiliar empresários e trabalhadores, os presidentes do Simespi (Sindicato Patronal das Indústrias Metalúrgicas), Euclides Libardi, e do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Piracicaba e Região, Wagner da Silveira, Juca, se reuniram para discutir a possibilidade de quarentena.

No comércio, os empregadores deverão oferecer condições de higiene especialmente disponibilizando álcool gel até que as autoridades sanitárias firmem outra posição, inclusive tendo a opção de criar escala com liberação do trabalho aos comerciários mais vulneráveis, como os com idade acima de 60 anos, asmáticos, cardíacos, fumantes, diabéticos e outras doenças debilitantes.

Estas medidas foram discutidas ontem pelos presidentes dos Sindicatos dos Empregados no Comércio de Piracicaba, Vitor Roberto, e do Comércio Varejista, Itacir Nozella, para enfrentar a pandemia de coronavírus, visando a segurança e a saúde dos empregados, empregadores e da população consumidora, assim como preservar a manutenção dos empregos e a saúde das empresas. Os sindicalistas disseram que, por enquanto, não veem necessidade de fechamento do comércio.

Por outro lado o Shopping Piracicaba anunciou ontem o fechamento por 43 dias. O centro comercial fechará a partir de hoje, com reabertura no dia 1º de maio.

EDUCAÇÃO
O Estado divulgou um comunicado ontem informando que desde às 12h desta quarta-feira, as escolas estaduais deveriam dispensar os professores e funcionários para trabalho remoto e que apenas um número restrito de servidores deve ficar nesta semana para receber os alunos que precisarem ir às unidades.

A partir da próxima segunda-feira (23), as escolas entram em recesso. A Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) informou que recebeu denúncia de que professores com suspeitas de coronavírus estavam atuando em escolas municipais.

No início da semana, a presidente e deputada estadual Bebel (PT) oficiou o estado e o município para que os profissionais fossem dispensados e as aulas suspensas.

O Colégio Cotip suspendeu as aulas presenciais e adotou medida alternativa para minimizar os problemas da suspensão das aulas. “Recorremos a ferramentas específicas para que os professores dos Ensinos Médio e Técnico utilizem plataformas online para encaminhar aos alunos trabalhos, exercícios, pesquisas e vídeos, a fim de amenizar a perda de conteúdo”, disse a vice-diretora acadêmica do Colégio, Heliana Maria de Oliveira Seydell.

Segundo ela, a título de prevenção, os alunos foram orientados a ficarem em suas casas e, quanto mais contato eles tiverem com os conteúdos ao longo desse período de paralisação, menos problemas eles terão no retorno às aulas.

TRANSPORTE PÚBLICO
A Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) divulgou ontem orientações e recomendações às 91 empresas de ônibus que integram o Sistema Intermunicipal de Transporte de Passageiros do Estado para a prevenção ao contágio do novo coronavírus.

O Sistema transporta diariamente mais de 320 mil passageiros em média nas modalidades suburbana e rodoviária. São 12 mil viagens diárias no Estado. A agência reguladora elaborou recomendações tanto para o atendimento ao público quanto em relação à higienização dos veículos e à proteção e capacitação dos funcionários das empresas.

A Artesp orientou as empresas a reforçarem os procedimentos de limpeza e higienização interna dos veículos. As empresas também deverão capacitar seus funcionários para orientar os passageiros e comunicar o público sobre as medidas preventivas adotadas pelas empresas.

Devem ser disponibilizados aos trabalhadores, sempre que possível e necessário, os meios para reforçar as medidas de higiene, como a álcool em gel, lenços, entre outros.

Em Piracicaba, por meio de uma ação conjunta entre a empresa Via Ágil e a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes, estão rodando pela cidade, a partir desta quarta-feira (18), ônibus adesivados alertando para os cuidados necessários contra a doença.

A iniciativa se une às ações que a prefeitura vem desenvolvendo contra a doença. As linhas que estão circulando com os veículos adesivados são Vila Sônia/Centro, Cecap/Centro, Perimetral e Vila Independência.

CENSO 2020
Em função das orientações do Ministério da Saúde relacionadas ao quadro de emergência de saúde pública causado pelo coronavírus, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) decidiu adiar a realização do Censo Demográfico para 2021.

Segundo o instituto, a decisão leva em consideração a natureza de coleta da pesquisa, domiciliar e predominantemente presencial, com estimativa de visitas de mais de 180 mil recenseadores a cerca de 71 milhões de domicílios em todo o território nacional.

Do mesmo modo, o IBGE considerou a impossibilidade de realização, em tempo hábil, de toda a cadeia de treinamentos para a operação censitária, cuja primeira etapa se iniciaria em abril de 2020, de forma centralizada, e posteriormente replicada em polos regionais e locais até o mês de julho.

O processo seletivo para contratação de recenseadores e supervisores está suspenso e os candidatos que já efetuaram pagamento de inscrição serão reembolsados conforme orientações a serem publicadas nos próximos dias.

ÁLCOOL E MÁSCARA
O Procon Piracicaba iniciou anteontem a Operação Corona em farmácias e supermercados do município. O objetivo é fiscalizar preços abusivos na venda de álcool em gel 70% e máscara de proteção. A operação será por tempo indeterminado.

Segundo o Procurador-Geral e responsável pelo Procon no município, Milton Sergio Bissoli, fiscais vão comparar os valores praticados nos últimos três meses, conferindo notas fiscais para verificar os aumentos de preços praticados nestes últimos dias.

Bissoli disse ainda que o fabricante será fiscalizado caso o revendedor alegue que está apenas repassando o reajuste.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, é caracterizado como prática abusiva elevar, sem justa causa, o preço de produtos ou serviços e obter vantagem desproporcional.

Se constatada a infração, o estabelecimento responderá a processo administrativo e poderá ser multado em valores de até R$ 10.118 milhões.

O consumidor que se deparar com preços abusivos em produtos ou serviços relacionados ao coronavírus poderá registrar denúncia junto ao Procon no telefone 151.

FARMÁCIAS
O Governo do Estado anunciou o projeto de implementar a vacinação gratuita contra a influenza em mil unidades da rede privada de farmácias e drogarias da capital, podendo ser estendida aos demais municípios do Estado.

A Secretaria de Estado da Saúde está elaborando o plano de logística para a distribuição em farmácias da rede privada e aguarda autorização da

ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).
A partir da autorização, a medida poderá garantir a vacinação prioritária dos idosos e foi acordada com a Abrafarma (Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias).

O objetivo é evitar aglomerações em postos de saúde e a exposição ao contágio ao novo coronavírus, uma vez que o primeiro grupo a ser vacinado é o de idosos com 60 anos ou mais e profissionais de saúde.

Outra iniciativa do Estado é ampliar o suprimento de medicamentos entregues pelas chamadas farmácias de alto custo a pacientes que precisam de medicamentos especializados.

LEIA MAIS:

VACINAÇÃO
O Ministério da Saúde decidiu antecipar a vacinação contra a Influenza. Embora esta vacina não previna contra o Covid-19, ela funcionará como manobra de contenção, já que deve diminuir a procura pelos serviços de saúde.

A antecipação do início da campanha de vacinação será para todo o território nacional, porém, foi possível porque o Instituto Butantan, unidade ligada à Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, já disponibilizou o estoque de vacinas ao órgão federal.

SERVIÇO DE ESGOTO
A Mirante, empresa responsável pelo tratamento de esgoto em Piracicaba, informou que, de acordo com as orientações dos órgãos de saúde pública para conter o avanço do coronavírus, está adotando medidas para evitar aglomerações no escritório administrativo e setores operacionais.

A concessionária orienta os clientes que evitem o atendimento presencial neste momento, e, busquem os canais digitais ou teleatendimento da Central de Atendimento do Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto) para registrar as solicitações. O contato pode ser feito 24 horas, gratuitamente, pelos canais 115 ou 0800-772-9611.

Na área operacional, a empresa informou que os colaboradores de campo estão atuando normalmente, com exceção dos grupos de maior risco à doença, não havendo impacto na gestão dos serviços relacionados ao sistema de esgotamento sanitário.

Beto Souza

1 COMENTÁRIO

  1. Boa tarde alguma medida. E recimendacoespara buffets infantil .
    Estamos perdidos.
    Sabemos da nossa necessidade mas alguns pais não querem entender e reagendar a sua data.
    Alguém poderia pronunciar para nos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

13 − onze =