Brasil tem 3 restaurantes na lista dos melhores do mundo

Foto: Reprodução

Lista anual é criada por um painel de votação equilibrado; Brasil ficou nas posições 39º, 61º e 67º no ranking

Saiu nesta semana a segunda metade da lista dos 100 melhores restaurantes do mundo e o Brasil participa desta exclusiva lista em três posições sendo o mais alto em 39º lugar. Uma premiação será realizada no dia 5 de outubro de 2021, na Antuérpia, região de Flandres.
A lista desta vez teve mais diversidade apesar da culinária européia ainda dominar os rankigs mais altos. William Drew, diretor de conteúdo do The World’s 50 Best Restaurants, comentou: “Com restaurantes de 22 países, a lista 51-100 deste ano reconhece uma gama de destinos mais ampla do que nunca. Estamos entusiasmados por ver 13 novas inscrições juntando-se à lista 51-100 pela primeira vez, enquanto que o mundo gastronômico continua a superar os enormes desafios trazidos pela pandemia.”
A lista anual é criada por um painel de votação equilibrado em termos de gênero, formado por mais de mil autoridades independentes no mundo da gastronomia, de renomados chefs internacionais e jornalistas da área de alimentação até gastrônomos viajantes. Nos destaques brasileiros o principal comentado foram as decorações, os espaços confortáveis e a utilização dos ingredientes frescos e produzidos pelos próprios restaurantes. Um exemplo foi o restaurante paulistano A Casa do Porco (no qual ficou em 39º lugar) tem a carne suína e outros ingredientes produzidos no sítio do próprio restaurante. O restaurante tem como marca a maioria dos pratos terem partes de porco em algum momento da produção do prato, sem deixar de lado o sabor do interior paulista utilizando goiabada entre outros ingredientes paulistas e nacionais.
O famoso D.O.M, restaurante do conhecido Alex Atala, considerado um dos melhores chefes brasileiros, ficou na 61º posição do ranking, mas já foi considerado o sexto melhor em 2013 por esta mesma lista. Suas receitas tentam buscar o melhor dos ingredientes brasileiros, dando um destaque especial para o norte e o nordeste do Brasil onde existe uma enorme gama de temperos carnes e óleos. Além do uso de ingredientes indígenas como formigas e os cogumelos Yanomami. Atala normalmente diz que quando comemos cozinhamos não podemos esquecer da riqueza e da história que o país tem. A frase: “É preciso cozinhar e comer como cidadão” fica em destaque no site do restaurante.
A outra grande capital do Brasil, Rio de Janeiro, foi o último representante da lista ficando 67º lugar. O restaurante Oteque tem um cardápio simples, mas não menos satisfatório do que os outros conterrâneos da lista. O estabelecimento carioca tem o foco na pescaria e nos frutos do mar.

SERVIÇO

Caso tenha ficado curioso com a premiação ou queira saber mais da lista dos restaurantes de todo o mundo, a premiação The World’s 50 Best Restaurants 2021 será transmitida ao vivo nos 50 melhores canais do Facebook e do YouTube. Antes da cerimônia, Massimo Bottura, renomado chef do restaurante anteriormente eleito n°1, Osteria Francescana, e parte do grupo “Best of the Best”, realizará uma transmissão ao vivo do tapete vermelho a partir das 16h30 (horário da Europa Central).

Larissa Anunciato
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

quinze − 4 =