Búfalas resgatadas de maus-tratos em fazenda de Brotas estão sob cuidados de ONG

Foto: Divulgação

Em novembro de 2021, mais de 600 búfalos-asiáticos foram localizados em situação de maus-tratos em uma fazenda na cidade de Brotas. Na ocasião, o empresário e proprietário dos animais foi autuado em flagrante, porém acabou liberado após o pagamento de uma fiança. Já nesta quinta-feira (20), o juiz Rodrigo Carlos Alves de Melo, da 1ª Vara de Brotas, determinou que as búfalas em situação de maus-tratos sejam doadas à ONG Amor e Respeito Animal (ARA).

“Pela decisão, esses animais não podem mais ser explorados”, comentou com exclusividade ao Jornal de Piracicaba a protetora Tati Freitas, que esteve presente em Brotas. “As búfalas continuarão lá por um período para serem cuidados, tendo em vista que muitas foram inseminadas na época; por conta disso, ainda está para nascer cerca de 400 bezerros.”

A protetora conta ainda que quando a ONG Amor e Respeito Animal, sob cuidados de seu presidente Alex Parente, chegou na fazenda para realizar o resgate, muitas búfalas tiveram que ser encaminhadas imediatamente à UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) devido aos maus-tratos sofridos. “Infelizmente, várias búfalas morreram nessa história, contabilizo cerca de 200 mortes. Porém depois que a ARA assumiu, esses animais vêm passando por todo um cuidado. Está havendo uma administração e o veterinário está constantemente acompanhando caso por caso. Agora esse veterinário vai acompanhar também o nascimento desses bezerros.”

Além das búfalas, a fazenda Água Sumida, em Brotas, dispunha também de diversos equinos. “Ao todo, são 74 cavalos. Todos eles também já estão recebendo a alimentação e assistência necessária, além de ajuda veterinária”, finalizou a protetora.

Consequentemente, o juiz Rodrigo Carlos Alves de Melo mandou intimar pessoalmente a ONG para que, em dez dias, ela indique o local de destinação dos animais ou aponte outras entidades com capacidade para acolhê-los.

Vale ressaltar que a decisão vem do Ministério Público e diz respeito não somente às búfalas, mas a todos os animais vítimas de maus-tratos que estavam na fazenda Água Sumida, em Brotas – incluindo os cavalos e pôneis. O Jornal de Piracicaba há de continuar acompanhando o caso.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Rafael Fioravanti | [email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

12 − 1 =