Doações podem ser feitas até 1 de dezembro; serão entregues nas comunidades Renascer e Pantanal | Foto: Claudinho Coradini/JP

As mulheres estão entre os grupos mais atingidos pela desemprego durante a pandemia. Para mulheres negras e em situação de vulnerabilidade social, as dificuldades nesse momento costumam ser ainda maiores, por fatores sociais, como o preconceito. Pensando nisso, a campanha “Maria Bonita no Natal” quer resgatar a autoestima delas ao entregar bolsas com absorventes higiênicos, creme dental, escova de dente, pente, desodorante, batom, entre outros itens para mulheres das comunidades Renascer e Pantanal.


A campanha é organizada pela jornalista Cristiane Sanches, do site “Papo com Cris”, em parceria com o Cepsc (Centro Educacional Piracicaba Santa Cruz) e o projeto Exército de Formiguinhas.


“Tem muitas mulheres que estão segurando uma barra pesadíssima com a pandemia, que perderam emprego, que estão tendo que se virar com as crianças em casa, dar o que comer, a situação está muito difícil. […] Tenho frisado muito que o que a gente mais quer dentro das bolsas é um pacote de absorvente higiênico pelo menos para que essas mulheres tenham a possibilidade de se cuidar durante a menstruação”, conta Cristiane, que lembra que um bilhete com uma mensagem de incentivo também é muito bem-vindo.

Campanha com o mesmo nome teve início no ano passado pela Delegacia da Mulher de Periperi, na Bahia, conta Cristiane. “A autoestima é ponto de partida para qualquer ação que seja positiva”, comenta.


Para contribuir com a campanha, basta pegar aquela bolsa que não usa mais e que esteja em bom estado, colocar os itens de higiene, e entregar em um dos três pontos de arrecadação até dia 1 de dezembro.

São eles: a sede do Cepsc, na rua Santa Cruz, 889, no Largo Santa Cruz do Bairro Alto, de terça a sexta-feira, das 14h às 17h. A clínica Onodera Estética Piracicaba, na avenida Carlos Botelho, 605, de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h. E a loja Ana Laura Store, na rua Luiz Gonzaga Barbosa de Lima, 62, Jardim Vicente, de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h, e sábado, das 9h às 17h.


Deuza Camargo, diretora do Cepsc, lembra que a solidariedade é um dos pilares de atuação do Centro. “E nós, mulheres, principalmente, temos que nos unir em prol de algo que venha fortalecer, ajudar as outras mulheres”, comenta.

As doações serão entregues por voluntários do projeto Exército de Formiguinhas. Segundo Cristiane, as lideranças das duas comunidades passarão uma lista das mulheres que mais precisam dos itens. “A nossa estimativa é de arrecadar pelo menos mil bolsas”.


O Exército de Formiguinhas, durante a pandemia, já entregou mais de 4.200 cestas básicas, mais de 3 mil kits de higiene e limpeza, mais de 1,7 mil litros de álcool gel, máscaras, leite, brinquedos, entre outros. “Com a campanha da Maria Bonita, vamos contribuir com a autoestima, valorizar a mulherada. Usamos essa frase: amor e caridade são as únicas coisas que se multiplicam ao dividir”, conta Débora Ferraz, coordenadora do projeto.

LEIA MAIS:

Andressa Mota

[email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

sete + 12 =