Canoagem slalom: seletiva nacional define equipe permanente

Canoagem slalom: seletiva nacional define equipe permanente
Fonte: Agência Brasil

Na manhã desta quinta-feira (11), a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) divulgou o resultado oficial da Seletiva Nacional de canoagem slalom. Depois das disputas do último final de semana no Parque Radical de Deodoro no Rio de Janeiro e da análise dos dados feita pelo corpo técnico da entidade, foram selecionados os oito melhores atletas brasileiros que irão compor a nova Equipe Permanente, com base de treinos no Rio de Janeiro.

No caiaque individual Feminino (K1), Ana Sátila e Omira Estácia Neta obtiveram os melhores índices. Sátila foi a mais rápida. Nos três dias da Seletiva, a melhor descida teve a marca de 94.59 segundos. Estácia fechou com a marca de 105.82 segundos. Na prova do C1 (Canoa Individual Feminina), a classificada também é Ana Sátila.

Ana Sátila foi a mais rápida na seletiva no C1 e no K1 Feminino.
Ana Sátila foi a mais rápida na seletiva no C1 e no K1 Feminino.

Ana Sátila já está classificada para a Olimpíada de Tóquio no C1 e K1 Feminino. – Pedro Ramos/ rededoesporte.gov.br

Na volta mais rápida, no K1 Masculino, Guilherme Rodrigues fez o seu percurso em 85.86 segundos e garantiu a liderança. Mathieu Desnos veio logo depois e, em terceiro, Pedro Gonçalves. Murilo Sorgetz levou a vaga na equipe sub-23. “Eu queria garantir a vaga entre os três e consegui. Pela minha idade, já estar na elite é muito bom. Tudo isso faz parte do meu treinamento intenso e da minha dedicação”, comentou Guilherme Rodrigues à assessoria da Confederação.

Os atletas do C1 Masculino da Equipe Permanente serão Felipe Borges, que fez o melhor tempo com 96.33 segundos, e Kauã da Silva. A última chance do Brasil conseguir se garantir nos Jogos de Tóquio na prova será na seletiva continental, que ocorrerá durante o Pan-americano da modalidade do Rio de Janeiro entre os dias 29 de abril a 02 de maio. Mas, segundo a CBCa, devido a situação atual da pandemia de coronavírus (covid-19), o calendário desse evento pode ser alterado. A convocação para os eventos internacionais e os períodos de treinamento dependem do controle da pandemia.

Pedro Gonçalves, no K1 Masculino, e  Ana Sátila, no C1 e K1 Feminino, já estão classificados para a Olimpíada de Tóquio.

Canoagem slalom: seletiva nacional define equipe permanente

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

3 × um =