Cão Eagle da Deic ajuda na localização de drogas no São Jorge

O pastor belga de malinois, Eagle, da Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) foi utilizado na localização de drogas em uma área verde, na Comunidade São Jorge, na tarde desta terça-feira (26). Um homem acusado de tráfico de drogas foi preso. No total, foram apreendidos 315 trouxinhas de maconha e 59 pinos de cocaína. A investigação foi conduzida pela 2ª Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), com o apoio da UIP (Unidade de Inteligência Policial) do Deinter-9.

Os policiais apuraram o envolvimento de um rapaz, já conhecido nos meios policiais, guardaria entorpecentes em seu imóvel. Por volta das 15h, os agentes estiveram na Comunidade São Jorge e localizaram o suspeito na entrada da viela. Após ser revistado, nada de ilícito foi localizado com ele. No entanto, ele teria confessado que guardava entorpecentes em sua moradia. Os policiais estiveram no local e teriam localizado um kit com porções de maconha escondidos no sofá.

Eagle encontrou sacola com as drogas (Divulgação)

Segundo a corporação, já era de conhecimento da equipe que suspeito havia recebido uma quantia maior de entorpecentes, a qual não condizia com aquela localizada sob o sofá. Novamente, ele foi questionado e após ser cientificado que um cão de faro seria ali utilizado, confessou que haveriam mais entorpecentes escondidos na parte externa de sua moradia. Após indicar a direção do local, o cão de faro foi utilizado e rapidamente localizou uma sacola contendo diversos kits de maconha e cocaína.

Levado à sede da delegacia especializada, o homem foi autuado em flagrante e depois ficou na carceragem até ser apresentado à audiência de custódia.

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

2 × quatro =