A cidade contabilizou ontem duas mortes em razão da covid-19. (Foto: Amanda Vieira/JP)

A soma dos casos confirmados e os sob investigação de covid-19 em Piracicaba, ultrapassam os 17 mil infectados. De acordo com os números da  Secretaria de Saúde, nesta quarta-feira foram confirmados  88 pessoas infectadas, aumentando para 16.569 diagnósticos. A pasta apontou ainda outros 787 casos suspeitos, o que pode representar possíveis 17.356 infectados.

A cidade contabilizou ontem duas mortes em razão da covid-19. As vítimas são dois homens de 63 e 64 anos. Com isso o número de óbitos no município aumentou para 364.

Os 88 casos positivos desta quarta-feira são 26 mulheres (com idade entre 18 e 73 anos) e 62 homens (entre 02 e 61 anos).

O município também registra 15.556 pessoas recuperadas da doença, 649pessoas em tratamento e 33.036 casos descartados.

  A DOENÇA NO ESTADO

O Estado de São Paulo registra neste quarta-feira  38.371 óbitos e 1.073.261 casos confirmados do novo coronavírus.

Entre o total de casos diagnosticados de COVID-19, 965.058 pessoas estão recuperadas, sendo que 117.740 foram internadas e tiveram alta hospitalar.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 40,5% na Grande São Paulo e no Estado. O número de pacientes internados é de 7.287, sendo 4.103 em enfermaria e 3.184 em unidades de terapia intensiva, conforme dados das 10h desta quarta-feira.

Hoje, os 645 municípios têm pelo menos uma pessoa infectada, sendo 585 com um ou mais óbitos.

QUEIXAS NA ANS

A principal queixa dos usuários de planos de saúde relacionada à covid-19 é a dificuldade de realização de exames e tratamentos, segundo boletim mensal divulgado ontem  pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). Segundo a agência, tratam do tema 59% das 12.631 reclamações relacionadas à pandemia registradas de março a setembro.

Beto Silva
[email protected]

LEIA MAIS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × três =