Casos suspeitos de coronavírus em Piracicaba chegam a 30, sendo sete em apenas um dia

Secretário estadual de Saúde informou sobre 1ª morte de coronavírus ontem à tarde (Foto: Divulgação)

Em um dia, Piracicaba registrou sete novos casos suspeitos de coronavírus. Segundo o balanço divulgado ontem pela prefeitura, o número saltou de 23 para 30, enquanto os casos descartados se mantêm em 12. A cidade ainda não registra casos positivos da doença. Ontem, o Estado de São Paulo registrou a primeira morte por Covid-19. O paciente é um homem de 62 anos, com doenças crônicas (como diabetes), sem histórico de viagem.

O paciente foi internado em 14 de março, na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um serviço privado e o óbito ocorreu anteontem. Outras quatro mortes estão em investigação, informou o Governo do Estado.



O balanço até 16h contabiliza 164 casos confirmados em SP, sendo 156 na cidade de São Paulo, 1 em Guarulhos, 1 em Santana do Parnaíba, 1 em Ferraz de Vasconcelos, 1 em Carapicuíba, 1 em São Bernardo do Campo, 1 em São Caetano do Sul, 1 em Santo André e 1 em Mauá. O Estado de SP também 5.047 suspeitos e 709 descartados.

SEM ALUNOS
No dia seguinte ao anúncio do Governo do Estado de que as faltas dos estudantes da rede estadual seriam abonadas, 90% dos alunos não foram às aulas ontem, em Piracicaba, segundo informações da Secretaria de Estado da Educação.

A pasta lembrou que as escolas, no entanto, permaneceram abertas e com profissionais para atendimentos dos estudantes que optaram ir às unidades.

A partir da próxima semana, no entanto, as aulas estarão suspensas nas escolas estaduais de todo o estado.

A Apeoesp divulgou um balanço nesta terça-feira informando que 79% das 68 escolas estavam sem alunos. O levantamento também mostrou que nas outras 14 escolas o número máximo era de 30 alunos por unidade, representando 21% total do contingente.

A Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba) informou ontem que as atividades acadêmicas presenciais da universidade estão suspensas no período de 16 a 21 de março.

Além disso, todos os eventos acadêmicos (congressos, formaturas, extensão, eventos comemorativos, culturais, esportivos e reuniões) estão cancelados até 30 de março, quando, a princípio, está programado o retorno das atividades.

Segundo a Unimep, no período de 17 a 28 de março, o atendimento telefônico e presencial da instituição funcionará em horário reduzido: de segunda a sexta-feira, das 10h às 19h.

A universidade está monitorando as recomendações das autoridades. “Por isso, os alunos foram orientados a acompanharem os e-mails e o site da instituição, pois novas orientações podem ser divulgadas a qualquer momento”, informou em nota.

PARQUES E PRAÇAS
A Sedema (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) de Piracicaba sugere aos usuários dos parques regionais que evitem concentrações, festas e atividades coletivas esportivas. Todos os locais permanecerão abertos para as caminhadas, informou a pasta.

Já o complexo Paraíso da Criança/Zoológico Municipal de Piracicaba ficará fechado por tempo indeterminado.

As medidas de prevenção ao coronavírus nos equipamentos de responsabilidade da Sedema foram tomadas durante reunião entre o secretário José Otávio Menten Machado e técnicos da pasta, na segunda-feira.

A Sedema informou que vai reforçar os serviços de higienização nos banheiros públicos e intensificar a lavagem dos varejões municipais.

Ontem a Secretaria se reuniu com as empresas funerárias, a concessionária responsável pelos serviços funerários nos cemitérios municipais, técnicos da Secretaria Municipal de Saúde e da Sedema para a adoção de medidas preventivas em velórios e funerais.

Por precaução, a Sedema recomenda que, temporariamente, a população evite frequentar praças e parques abertos como, por exemplo, a Área de Lazer do Trabalhador, o Parque do Mirante e o Horto de Tupi. O primeiro encontro formativo do projeto ambiental “EducaTrilha na Escola”, que aconteceria amanhã e o Tricnic no Horto (no dia 22), ambos na Estação Experimental de Tupi (Horto de Tupi), também foram adiados.

SERVIÇOS PÚBLICOS
A Smads (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social), informou que os serviços públicos deverão manter suas atividades e atendimento à população, observando as orientações preventivas àqueles que são executados por entidades que recebem recursos do Fundo Municipal de Assistência Social e Fumdeca (Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente).

Segundo a pasta, até o dia 22 deve-se reforçar a higiene dos espaços coletivos, promover orientações preventivas para evitar o contágio e transmissão do vírus, suspender eventos e reuniões, evitar aglomerações e grupos de pessoas, priorizar atendimentos individuais e emergenciais.

A partir do dia 23 serão suspensas as atividades dos serviços de convivência e fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, centro dia do idoso e aqueles que atendem os grupos de risco.

A secretaria informou que caberá à coordenação de cada serviço, neste período, estabelecer e organizar o quadro de funcionários observando as regras trabalhistas e direitos já garantidos.

COMÉRCIO E EMPRESAS
A diretoria do Sincomerciários (Sindicato dos Empregados no Comércio de Piracicaba) emitiu nota sobre procedimentos para evitar a propagação da doença.

De acordo com o presidente da entidade, Vitor Roberto, a nota foi publicada nas mídias sociais da entidade e também enviada para conhecimento do Sindicato do Comércio Varejista de Piracicaba e à Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba), para que recomendem aos lojistas que uniformizem os procedimentos.

Na nota, o Sincomerciários orienta que os trabalhadores em quarentena, devidamente atestado por autoridade médica, tenham a remuneração integral garantidas, aos trabalhadores sejam oferecidas condições de higiene até que as autoridades sanitárias firmem uma outra posição, inclusive criando escalas com liberação do trabalho aos empregados mais vulneráveis: os acima de 50 anos; asmáticos, cardíacos, fumantes, diabéticos e outras doenças debilitantes.

O presidente solicitou a distribuição de máscaras aos empregados e álcool gel, assim como informa que o período de afastamento dos empregados poderá ser objeto de acordo coletivo de trabalho com o sindicato e esse instrumento disporá a forma de pagamento dos salários no período de afastamento e de reposição de horas.

A partir de hoje, o Shopping Piracicaba funcionará em horário reduzido, diminuindo a circulação de pessoas e mantendo atividades essenciais.

Segundo a assessoria, o centro comercial funcionará de segunda a sábado, das 12h às 20h. Aos domingos e feriados, o horário será mantido para restaurantes e praças de Alimentação (12h às 20h). Já as lojas funcionarão das 14h às 20h. O setor de comunicação informou ainda, que as medidas adotadas poderão sofrer alterações de acordo com o cenário, bem como à medida que ocorrerem eventuais novas determinações e recomendações do Poder Público.

A exibição de filmes nas salas de cinema do shopping estão suspensas, segundo informou a empresa Cine Araújo, responsável pelas exibições.

A diretoria da Hyundai Motor Brasil informou que caso haja retração da economia e consequente queda no mercado nacional de veículos, a montadora pode adotar eventuais paradas de curta duração na fábrica, de um dia por exemplo, como estratégia para otimizar a produção e evitar a formação de estoques desnecessários de veículos prontos.

Quanto a importação de matéria-prima, a fábrica da informou que opera, desde sua inauguração, com estoque de peças importadas suficiente para assegurar a continuidade da produção por longos períodos em função da grande distância que existe entre o Brasil e a Coreia do Sul ou a China. “Portanto, não há risco de falta de peças importadas neste momento”, informou.

A ArcelorMittal informou que está monitorando a situação decorrente do surto de coronavírus e que, até o presente momento, não houve impacto nas operações e produção.

Além disso, segundo e empresa, não foi identificado nenhum caso de coronavírus entre os seus empregados está seguindo as orientações da OMS (Organização Mundial de Saúde), dos governos nacional e local para adotar as medidas necessárias para apoiar a prevenção da doença em seus locais de trabalho.

“De maneira preventiva, a ArcelorMittal orientou os seus empregados a cancelarem as viagens a trabalho e a evitarem deslocamentos desnecessários, priorizado a realização de encontros via videoconferência. A empresa também suspendeu eventos externos e atividades com grande aglomeração de pessoas”, informou acrescentando que campanhas internas orientativas têm sido compartilhadas com os empregados para conscientização e higienização adequada.

Beto Silva