Catalogação do acervo da Pinacoteca é finalizada

Foto: Divulgação

Acervo é composto por 1.000 obras, entre esculturas, pinturas, gravuras e desenhos

A Prefeitura de Piracicaba, por meio da Secretaria Municipal da Ação Cultural (Semac), finalizou a catalogação do acervo artístico municipal nas instalações da Pinacoteca Municipal Miguel Dutra. O trabalho também realizou a conservação de alguns itens do acervo, que apresentavam poeira ou ação de cupim, por exemplo. De acordo com a catalogação, o acervo é composto por 1.000 obras, entre esculturas, pinturas, gravuras e desenhos, sendo 722 itens obras tombadas e 278 obras não tombadas.

“Há mais de uma década que esse trabalho de catalogação e conservação do acervo não era realizado, infelizmente obras de importante relevância estavam com ação de cupim ou empoeiradas. Então tivemos o cuidado de contratar uma especialista para que cuidasse desse processo para garantir ainda mais perenidade ao nosso acervo, que é constituído por obras de relevante valor artístico e histórico”, afirma o secretário da Ação Cultural, Adolpho Queiroz.

O trabalho foi coordenado pela conservadora de acervos Ana Carina Urbano Torrejais e foi realizado entre os meses de agosto e outubro deste ano, a partir de solicitação da Semac. Ana é graduada em conservação e restauro de bens culturais pelo Instituto Politécnico de Tomar (Portugal), especialista na área de museologia, com ênfase em inventário e gestão de coleções, e mestre em História Social pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP (Universidade de São Paulo).

Para a conservadora de acervos, as obras do acervo municipal contribuem para a construção da memória artística piracicabana e nacional. “Por isso a equipe funcional da Pinacoteca tem procurado zelar pela conservação deste importante acervo artístico, mantendo-o nas melhores condições possíveis de acondicionamento e vigiando o aparecimento de qualquer fator de degradação que coloque em risco a sua integridade física e estética”, comenta Ana.

CATALOGAÇÃO
Para o processo de catalogação, todas as obras foram verificadas individualmente, realizando o registro fotográfico e atualizações no inventário da Pinacoteca. Quando necessário, observando a presença de poeira ou ação de cupim, por exemplo, os técnicos realizaram ainda a conservação adequada da peça, por meio de higienização e descontaminação.

De acordo com o relatório da catalogação, a maioria das obras está mantida em ambiente controlado, na reserva técnica da Pinacoteca Municipal, com controle dos fatores de luminosidade, temperatura e umidade relativa, em valores que obedecem parâmetros internacionais estabelecidos pelos principais organismos relacionados à conservação do patrimônio cultural.

Da Redação

LEIA MAIS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

catorze − 3 =