Clubes da Série A2 retornam aos treinos no dia 27 de julho

XV de Piracicaba não atua na Série A2 há mais de quatro meses (Foto: Claudinho coradini/JP)

A FPF (Federação Paulista de Futebol) realizou uma reunião virtual na última terça-feira (14), com representantes dos 16 clubes que disputam a Série A2 do Campeonato Paulista (entre eles o XV de Piracicaba) para discutir as diretrizes da competição, paralisada há mais de quatro meses (desde 14 de março) em razão da pandemia de covid-19.

No encontro, foi aprovado o Protocolo de Readaptação Física e de Retomada Gradual dos Treinamentos, na qual os clubes solicitaram que o Protocolo de Readaptação Física seja enviado ao Centro de Contingência do Coronavírus, para que sejam autorizados os testes de covid-19, exames médicos, testes clínicos, físicos e fisiológicos a partir do dia 20 de julho.

A volta aos treinos das equipes foi autorizada a partir do dia 27 de julho, enquanto os clubes sugeriram que a competição seja retomada no dia 19 de agosto, sendo que a data de reinício dependerá de autorização do Governo do Estado. Os testes de Covid-19 a serem realizados antes do reinício dos treinos e da competição serão custeados pela FPF para todas as delegações dos clubes, limitadas a 38 pessoas por agremiação. Os exames de controle de dopagem dos jogos restantes da competição também serão pagos pela FPF.

O regulamento da competição será o mesmo, com mais três rodadas até o fim da primeira fase, com as quartas de final, semifinal e final disputadas em duas partidas, com os dois primários subindo para a Série A1 e os últimos rebaixados para a Série A3 de 2021.

A FPF disse que será necessária uma adequação nas datas de partidas, além de registro e inscrição de atletas. As novas datas serão divulgadas quando houver definição sobre o retorno da competição. Não serão cobradas taxa de inscrições dos clubes em relação aos novos atletas inscritos.

Em relação as partidas, elas só podem ser disputadas nas cidades que estiveram na fase amarela no Plano SP divulgada semanalmente pelo Governador de São Paulo, João Dória. Na última sexta-feira (10), Piracicaba tinha avançado para a fase laranja, porém a Prefeitura decidiu por se manter na vermelha para diminuir o número de casos confirmados e mortes por covid-19. O Estádio Barão da Serra Negra está impossibilitado de receber jogos.

Em relação aos treinamentos, O XV poderá utilizar o Barão se o local for liberado pelo prefeito Barjas Negri. Caso receba uma resposta negativa, o Nho Quim terá que procurar outro lugar para treinar. Procurado pela reportagem, o XV de Piracicaba, por meio de sua assessoria, disse que como as decisões foram recentes, a equipe ainda precisa analisar em qual cidade irá treinar/jogar se não puder se preparar e atuar em Piracicaba.

NOVO TÉCNICO
O XV continua sem um técnico desde a demissão de Tarcísio Pugliese na semana passada. Questionado sobre quem será o novo comandante, já que já informações de que o atual goleiro da equipe Fábio Toth poderá comandar a equipe ainda nesta Série A2, o Nhô Quim, por meio de sua assessoria de imprensa, disse que ainda não há uma definição sobre o assunto.

GILBERTO ALEMÃO
Outra informação que movimenta a semana nos arredores do Barão é que Gilberto Alemão, que teve o contrato renovado para a continuidade da Série A2, estaria negociando com o Remo-PA, equipe que disputa o Campeonato Paraense e a Série C. O XV disse que nenhuma proposta chegou a equipe.

Mauro Adamoli

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

10 + 10 =