Com mais 12 escolas, Piracicaba chega a 36 em período integral

No total, região terá mais 14 escolas em tempo integral, sendo mais uma em Águas de São Pedro e outra em Charqueada | Foto: Amanda Vieira/JP

A DER (Diretoria de Ensino Regional) de Piracicaba vai ter mais 14 escolas em período integral. São 12 unidades em Piracicaba, uma em Charqueada e uma em Águas de São Pedro. O anúncio foi feito ontem pelo governador João Doria (PSDB). No total, a partir do ano letivo de 2021, mais 400 escolas no estado passarão a oferecer ensino nesse regime. Com isso, só na cidade de Piracicaba serão 36 escolas em tempo integral.


Em Piracicaba, as novas escolas estaduais com ensino integral serão a Bairro Santo Antônio; Profº Hélio Penteado de Castro, em Santa Terezinha; Comendador Luciano Guidotti, no Jupiá; Augusto Saes, no Nova América; Felipe Cardoso, em Anhumas; João Guidotti, noMorumbi; Profº Jethro Vaz de Toledo, Itapuã; Prof. Dr. João Chiarini, no bairro Nossa Senhora de Fátima; Profº João Alves de Almeida, em Tanquinho; Prof. Olivia Bianco, no Jaraguá; EE Dr. Samuel de Castro Neves, em Santana; e Profª Dionetti Callegaro Miori, no Água Branca. Em Charqueada é a EE Profº Pedro Crem Filho, no bairro Recreio. Em Águas de São Pedro, a EE Angelo Franzin, no centro.


De acordo com o governo, as novas escolas manifestaram interesse em aderir ao PEI (Programa de Ensino Integral) e obedecem aos critérios da Secretaria de Estado da Educação, como ter mais de 12 salas de aulas e atender a uma comunidade com maior vulnerabilidade socioeconômica.

Em visita a Piracicaba em 8 de outubro, o secretário da Educação, Rossieli Soares afirmou que a cidade poderia ser a primeira no estado a ter todas as escolas estaduais no PEI. Com as 12 novas escolas em tempo integral, Piracicaba soma 36 unidades no programa, o que representa 61% das 59 escolas estaduais da cidade.

LEIA MAIS:


De acordo com a secretaria, com o PEI os estudantes têm matriz curricular diferenciada, que inclui projeto de vida, orientação de estudos e práticas experimentais, além de clubes juvenis de acordo com temas de interesse como dança, xadrez e debates.

O desempenho das escolas em tempo integral também é evidenciado pelo governo. “As 33 escolas estaduais de São Paulo de ensino médio com melhores indicadores são todas integrantes do PEI”, informou a secretaria.


“A gente tem lutado muito por isso. É mais uma conquista grande pela nossa educação. Os alunos vão passar o período integral na escola. Café da manhã, almoço, café da tarde e os pais terão comodidade para trabalhar, a criançada não vai ficar na rua. E nós vamos lutar para que nós tenhamos 100% não só em Piracicaba mas no Estado de São Paulo 100% de escolas integrais”, comenta o deputado estadual Roberto Morais (CID), que acompanhou a visita do secretário a Piracicaba em outubro junto ao deputado estadual Alex de Madureira (PSD).

“A política de ensino em tempo integral é prioridade para o nosso governo. A nossa meta de mil escolas para 2023 já foi alcançada com a adesão destas 400 novas unidades”, afirma Soares.

Andressa Mota

[email protected]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dois × 3 =