Com mato alto em quase toda cidade, Sedema faz plano de ação

Foto: Claudinho Coradini/JP

Nessa época com mais chuvas, o mato toma conta de calçadas e áreas verdes da cidade, prejudicando o uso adequado dessas áreas pela população que – devido à pandemia – requer cada vez mais áreas ao ar livre para aproveitar os momentos de lazer com as crianças principalmente. Na rua Dr. Manoel Alexandre Tavares de Brito, no Jardim Astúrias, por exemplo, o mato toma conta de área usada pelos moradores.


Para dar conta de manter essas áreas ao longo do ano, a Sedema (Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente) informa que segue um plano de ação que leva em consideração a concentração de pessoas da região.

LEIA MAIS:


O plano de ação da pasta divide a cidade em três circuitos. O primeiro, que são os locais de grande concentração de pessoas, como entrada da cidade, centros de lazer, parques, rotatórias e principais avenidas, recebe poda de mato mensal.


O segundo, com menor circulação de pessoas, recebe o corte de mato bimestral. Por fim, o terceiro, ainda com menor circulação, trimestral. De acordo com o CCS (Centro de Comunicação Social), a nova gestão realiza diagnóstico desse plano de ação para aplicar eventuais melhorias no processo e que a Sedema amplia atividades de poda nesse período. Em nota, a pasta informou ainda que as áreas verdes do Jardim Astúrias estão na programação desta semana.

Andressa Mota

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

seis − 5 =