Concluída fundação da alça de acesso do viaduto da Rosário

Obra Obra,orçada em R$ 2,9 mi, será concluída em janeiro. (Felipe Ferreira)

A Prefeitura de Piracicaba informou ontem que a alça de acesso entre o viaduto da Rosário com a avenida Armando de Salles Oliveira, iniciada em meados de junho, já teve a fundação concluída. Com investimento de R$ 2,9 milhões, faz parte das obras do corredor de ônibus Vila Rezende. A construção visa aliviar o trânsito intenso no cruzamento entre as avenidas Armando de Salles Oliveira e Torquato da Silva Leitão e rua Tiradentes. A alça de acesso sairá do viaduto da Rosário, existente, e seguirá em direção ao Centro.

A fundação com tubulões, no canteiro central da Armando de Salles, já foi executada e os blocos de concreto instalados, segundo informações do setor de engenharia da Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes). Agora estão sendo executadas as armações das paredes de apoio da laje. A próxima etapa consiste no cimbramento (estrutura de suporte provisório) para fazer o apoio da laje. Na sequência, são instaladas as barreiras new jersey e feita a pavimentação sobre a laje e depois os ajustes geométricos na entrada e saída do viaduto. A previsão de conclusão é janeiro de 2019.

A nova via vai possibilitar a eliminação de uma fase semafórica, que permite a conversão à esquerda para quem desce a avenida Torquato da Silva Leitão e segue em direção ao Centro. Assim, os motoristas seguirão pela rua Dona Eugênia, descerão a travessa Dona Eugênia, entrarão à esquerda, na rua Samuel Neves, à direita na rua do Rosário e à esquerda na nova alça de acesso.

“A alça é uma importante obra de mobilidade viária para Piracicaba e vai melhorar o fluxo de veículos não só nesse cruzamento. Essa melhoria vai refletir no trânsito de ruas e avenidas da região, principalmente nos horários de pico”, ressaltou o prefeito Barjas Negri (PSDB), em nota.

O secretário Municipal de Trânsito e Transportes, Jorge Akira, esclareceu que além da alça, a contratação contempla outras melhorias, como adequações geométricas dentro do traçado do corredor de ônibus Vila Rezende, sinalização vertical, horizontal e semafórica. O corredor de ônibus Vila Rezende tem, no total, 8,45 km de extensão e compreende trecho da Armando de Salles nos dois sentidos até a Ponte do Mirante, avenida Juscelino Kubistchek, avenida Rui Barbosa, avenida Dona Francisca e trecho da avenida Barão de Serra Negra.

Até que seja concluída a alça, a avenida Armando de Salles Oliveira segue com uma faixa interditada no trecho entre a avenida Torquato da Silva Leitão e rua Campos Salles (sentido bairro/Centro).

(Da Redação)