CPI inicia sessão para ouvir especialistas críticos à postura de Bolsonaro

Foto: Reprodução

A CPI da Covid iniciou a sessão desta sexta-feira, 11, para ouvir dois especialistas que discordam da postura do presidente Jair Bolsonaro e das medidas mais polêmicas tomadas pelo governo federal na pandemia do novo coronavírus, como as relacionadas a isolamento social, vacinas e tratamento precoce contra a doença. Com os depoimentos da microbiologista Natalia Pasternak e do médico sanitarista Cláudio Maierovitch, os senadores querem reforçar as provas contra o presidente da República e demonstrar que o governo agiu na contramão da ciência.

A reunião, em uma sexta-feira – pouco usual -, ocorre devido às reiteradas afirmações do chefe do colegiado, senador Omar Aziz (PSD-AM), de que ele não quer estender os trabalhos da comissão por mais de três meses. Aziz promete acelerar os trabalhos da comissão e encerrar a investigação no fim de julho. A base do governo tenta trazer para CPI médicos que defendem as medidas de Bolsonaro. O presidente da comissão prometeu marcar esses depoimentos para a próxima semana.

Agência Estado

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

20 + 4 =