Droga estava avaliada em R$ 11 milhões (Divulgação/Deic)

Policiais civis da 2ª Dise/Deic (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes da Divisão Especializada de Investigações Criminais) incineraram quase R$ 11 milhões em cocaína pura, na manhã desta quinta-feira (19), em uma empresa não informada em São Pedro.

Ação contou com forte esquema de segurança (Divulgação)

Cerca de 360kg da droga foram apreendidas no último sábado (14), após a queda de uma aeronave (avaliada em R$ 1,5 milhão), em uma área próxima a Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), em São Pedro (SP). O piloto, o empresário paraibano Marcelo Gonzaga, filho de um ex-senador daquele estado morreu

O caso foi registrado na Delegacia de São Pedro, mas a investigação conta com o apoio da delegacia especializada de Piracicaba.

LEIA MAIS

Droga apreendida após queda de avião em São Pedro (Divulgação/Deic)

O CASO

Os peritos do IC (Instituto de Criminalística) de Piracicaba também estiveram no local para fazer o levantamento sobre as circunstâncias do ocorrido. Posteriormente, o corpo do piloto, que foi retirado das ferragens foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) para a realização de exame necroscópico para tentar confirmar a causa da morte.

Naquela ocasião, o delegado divisionário da Deic, Wilson Lavorenti, disse que pela análise prévia do local, não conseguimos identificar combustível nas imediações, possivelmente o avião sofreu uma espécie de pane seca e caiu.

LEIA MAIS

Cristiani Azanha

[email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

11 − dez =