Detran e Poupatempo reabrem em setembro com 30% do atendimento

(Foto: Amanda Vieira/JP)

A unidade local do Detran e do Poupatempo já tem data para reabrirem, dia 10 de setembro, uma quinta-feira, isso caso Piracicaba permaneça na fase amarela (de acordo com o Plano São Paulo de flexibilização) até a data. A previsão foi confirmada ontem pela assessoria de imprensa do órgão estadual. No Poupatempo, o atendimento será reduzido. Os postos trabalharão com 30% de sua capacidade e apenas os serviços que não podem ser feitos de forma remota serão atendidos, como primeira via do RG e primeira habilitação, por exemplo.

Para ser atendido, destaca o Detran, o cidadão deve realizar agendamento prévio, aberto um dia antes do funcionamento, pelo portal ou aplicativo Poupatempo Digital. Quando e se reabrir dentro da previsão do órgão, o Poupatempo – que fica na praça José Bonifácio – também voltará a oferecer serviços como licenciamento de veículos, IPVA e CNH. Por ora, é possível efetuar o licenciamento de forma virtual pelo site do Detran.

DESPACHANTES
Com o Detran e o Poupatempo ainda fechados, despachantes viram alternativa durante a pandemia. Anselmo de Jesus Aversa, proprietário do Despachante Ezuza, afirma que o estabelecimento realiza todos os serviços de utilidade pública, relacionados à documentação de automóveis. “Apenas renovação de habilitação que não podemos fazer, porque depende de agendamento e isso é somente online com o Detran”, ele explica.

Licenciamento, por exemplo, tem taxa de R$ 95 e fica ponto de imediato. “O despachante conclui no mesmo dia da solicitação”, fala Aversa. O Ezuza, como os demais da cidade, estão também aptos a realizar a documentação de Transferência de Propriedade (R$ 310), “pronto em cinco dias úteis”, ele explica, além de Primeiro Registro (emplacamento), que custa R$ 310 mais R$ 200 da placa (modelo Mercosul) e R$ 5 do DPVAT (seguro obrigatório).

Erick Tedesco