Dois foragidos da Justiça são localizados e presos em Piracicaba na noite desta terça (28)

Foto: Alessandro Maschio/JP

Dois indivíduos foragidos da Justiça foram localizados e presos pelas forças de segurança de Piracicaba, na noite desta terça-feira (28). O primeiro foi localizado pela GCM (Guarda Civil Municipal) no bairro da Paulicéia, enquanto que o segundo foi localizado e preso pela PM no Vila Sônia.

Os guardas civis Glauco, Gomes e Saturnino, da Romu 84 (Ronda Ostensiva Municipal), informaram que já estavam em posse do mandado de prisão expedido em desfavor do indivíduo foragido e que, por tal razão, a fim de localizá-lo, intensificaram patrulhamento pelo bairro da Pauliceia. Por volta das 21h51, o indivíduo de 28 anos foi localizado pela rua Pedro Alvares Cabral. Ao notar a aproximação da equipe, ele ainda tentou se esconder em uma residência, porém acabou abordado e detido.

Durante busca pessoal, nada de ilícito foi localizado com ele. Contudo, a existência de um mandado em seu desfavor por crime de tráfico de entorpecentes se comprovou após pesquisa junto ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, com pena em dois anos e seis meses, em regime inicial semiaberto, e com data de validade em 19 de outubro de 2028.

Por conta disso, ele foi detido e conduzido ao plantão policial, onde o delegado Carlos Vinicius Martins Lopes o manteve preso à disposição da Justiça.

Já o segundo foragido, de 24 anos, foi localizado e preso por volta das 22h15, na região do bairro da Vila Sônia, zona norte do município. Sua prisão foi feita pela Polícia Militar.

Policiais informaram que faziam patrulhamento de rotina, quando o localizaram pela rua Raul Ataíde, área pertencente à Comunidade Boa Esperança. Cientes da existência de um mandado de prisão preventiva em seu desfavor por crime de roubo, expedido pela 4ª Vara Criminal do Foro do município, o indivíduo foi abordado e levado ao Plantão Policial, onde permaneceu preso. Ele será apresentado em juízo para audiência de custódia, e, posteriormente, deverá ser encaminhado ao CDP (Centro de Detenção Provisória Nelson Furlan) do município.

Rafael Fioravanti | [email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

14 − 12 =