Empem apresenta Recital Infantil com repertório de músicas folclóricas

Foto: Divulgação

Alunos de 3 a 10 anos tocarão músicas com diversos instrumentos nesta sexta

A Empem (Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle) realiza o Recital de Musicalização Infantil e Iniciação Musical com flauta doce, nesta sexta-feira (01), às 19h30. A apresentação ocorre na escola, situada na rua Santa Cruz, 1155, bairro Alto. Para quem puder contribuir, na entrada pode ser entregue 1 Kg de alimento não perecível, que serão destinados às comunidades carentes de Piracicaba, por meio do projeto Missões Urbanas.

Sob a orientação da professora e pianista Suelen Almeida, a apresentação conta com crianças entre três e dez anos dos cursos de Musicalização Infantil e Iniciação Musical, que tocarão piano, flauta doce, xilofone, metalofone, sinos e diversos instrumentos de percussão com alturas indefinidas. “A proposta do recital de Musicalização e Iniciação Musical é apresentar um pouco do trabalho musical desenvolvido pelos alunos durante o semestre”, comenta a professora.

O repertório é composto por músicas brasileiras folclóricas e de compositores brasileiros como a Cidinha Mahle (esposa do maestro e musicista Ernst Mahle), Carmen Mettig, Margareth Darezzo, Elvira Drummond, Edgard Poças e Villa-Lobos. Ao final todas as crianças subirão ao palco para fechar o recital com uma música de Villa-Lobos.

Segundo a professora Suelen Almeida, no curso de Musicalização, as crianças de três a seis anos, tem a oportunidade de vivenciar todo o conteúdo musical por meio do corpo e da voz, com a utilização dos instrumentos de percussão, piano e flauta doce. Já as turmas entre sete a dez anos estudam a iniciação musical com flauta doce.

“Os dois cursos desenvolvem as crianças em todas as potencialidades e o intuito é que após a alfabetização musical e o conhecer de todos os instrumentos que temos aqui na escola, eles escolham o instrumento que vai trilhar o resto da infância e quem sabe pra vida toda”, enfatiza a musicista. “O sentimento é de missão cumprida com todo crescimento de cada aluno, que além do aprendizado dos conteúdos também amam criar e improvisar, trazer a música de dentro para fora”, completa ela.

Fernanda Rizzi
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

10 + dez =