Filho atinge o próprio pai com pedaço de madeira na cabeça

Acusado ficou preso até a audiência de custódia (Claudinho Coradini/JP)

Um rapaz de 27 anos foi preso após ser acusado de atingir o próprio pai com um pedaço de madeira na cabeça, na casa da família, no Capim Fino, na noite desta segunda-feira (14). Ele foi conduzido ao plantão policial e responderá a acusação de tentativa de homicídio. A vítima, um ajudante geral de 53 anos foi levado ao hospital. O pedaço de madeira foi apreendido pela polícia e será analisado pelos peritos do IC (Instituto de Criminalística).

Segundo o boletim de ocorrência, o acusado aparentava desordem mental e faz uso de remédios controlados, de acordo com a família. O delegado Airton Jaguanharo Correa pediu na Justiça a realização de exame de sanidade mental.

Quando os policiais chegaram à residência da vítima, o acusado estava no interior da casa. Os PMs solicitaram que ele saísse e ele obedeceu, no entanto, quando soube que seria levado à delegacia, ele resistiu, mas depois acabou aceitando ser conduzido pelos PMs.

No plantão policial, o delegado constatou que o acusado apresentava desordem mental, com argumentações desconexas, histeria e oscilação  de estado emocional. Ele não aceitou assinar nenhum documento. Jaguanharo enfatizou que ficou com dúvidas quanto a sua integridade mental, gerando razoável receio de que volte a praticar outros delitos mais graves.

Sendo assim, Jaguanharo decidiu, por enquanto, pela autuação em flagrante do rapaz por tentativa de homicídio. Ele permaneceu preso na carceragem anexa ao prédio do 1º Distrito Policial, onde permaneceu até ser apresentado à audiência de custódia.

Cristiani Azanha

[email protected]