Remake do filme de terror Brinquedo Assassino e a animação Os Brinquedos Mágicos entram em cartaz. (foto: Divulgação)

As estreias desta semana no cinema de Piracicaba terão dois filmes baseados em brinquedos: “Brinquedo Assassino” e “Os Brinquedos Mágicos”.

Porém, essa é a única semelhança entre eles, já que um é do gênero terror, recomendado para maiores de 18 anos, enquanto que o outro é uma animação infantil recomendada para toda a família. Remake do clássico de 1988 com o mesmo nome, “Brinquedo Assassino” se concentra na história de Andy (Gabriel Bateman) e sua mãe, que se mudam para uma nova cidade em busca de um recomeço. Preocupada com o desinteresse do filho em fazer novos amigos, Karen (Aubrey Plaza) decide dar a ele de presente de aniversário um boneco tecnológico que, além de ser o companheiro ideal para crianças e propor diversas atividades lúdicas, executa funções da casa sob comandos de voz. Os problemas começam a surgir quando o boneco Chuck (voz de Mark Hamill) se torna extremamente possessivo em relação a Andy e está disposto a fazer qualquer coisa para afastar o garoto das pessoas que o amam.

A principal diferença entre o filme original de 1988 e o remake é a forma como o boneco ganha vida. No primeiro, o fugitivo Charles Lee Ray (inspirado nos serial killers Charles Manson, Lee Harvey Oswald e James Earl Grey) é morto por dois policiais, porém antes de morrer, Chuck, por meio de um ritual vudu, transfere sua alma para o boneco.

Na nova versão, um operário de uma fábrica, antes de cometer suicídio, reprograma um boneco eletrônico para “não ter mais limites”, criando assim o icônico brinquedo assassino. O remake focará no componente emocional da história entre mãe e filho, além da intensidade e da violência, já que o filme é recomendado para maiores de 18 anos.

A história de Os Brinquedos Mágicos” se concentra em bonecos infusores de chá que são pequenas figuras de porcelana que ganham cores diferentes quando despejam chá em seus corpos, quanto mais profunda a cor, mais precioso é o boneco. Nathan é um boneco que vive em uma loja de chá com seus amigos, mas debocham dele por não conseguir ganhar cor.

Quando um robô surge na loja dizendo ser do futuro, Nathan e seus amigos decidem se unir a ele e embarcar em uma aventura. O Rei Leão, Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw, Era uma vez em Hollywood e Nada a Perder 2 continuam na programação

Mauro Adamoli
[email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dois × três =