Fim do chamamento público impacta a prática esportiva em 14 entidades

0
141 views
Tênis de Mesa na Fran TT foi uma das atividades impactadas CRÉDITO: Fran TT Training Center

A Selam (Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras) anunciou na última quinta-feira (4), o encerramento dos projetos aprovados em 2018, via chamamento público. Em levantamento divulgado pela Selam, eram 14 entidades beneficiadas, nas quais crianças e adolescentes praticavam 24 modalidades diferentes, tanto masculino, feminino, para terceira idade e PCD (Pessoas com Deficiência).

Em relação ao número de atendimentos presenciais, foram aproximadamente 1.600 pessoas atendidas, sendo que, em razão da pandemia de covid-19, as atividades foram realizadas de forma virtual a partir do segundo semestre. Portanto, os relatórios entregues pelas associações indicam que houve queda gradativa na quantidade de atendimentos, mas não é possível precisar o número de pessoas atendidas neste período.

O valor repassado para o chamamento público era de aproximadamente R$ 3,5 milhões, sendo que, durante a pandemia esse valor teve um desconto de 30%. “A pandemia impediu que os projetos presenciais continuassem sendo feitos, mas em contrapartida, a Selam continuou com as aulas virtuais, principalmente com o PDB (Programa de Desporto de Base) e o PAM (Programa Atividades Motoras)”, disse a assessoria da Selam.

As entidades que eram beneficiadas, bem como suas modalidades esportivas, respectivamente era: Associação de Canoagem Piracicaba (Canoagem); Associação de Ginástica Olímpica Piracicabana (Ginástica Artística); Associação Desportiva Fran TT (Tênis de Mesa); Associação Piracicaba de Taekwondo (Taekwondo); Associação Sport Way de Piracicaba (Biribol, Ginástica Rítmica, Judô Feminino, Karatê, Tênis Feminino e Tênis Masculino); Centro Cultural e Recreativo Cristóvão Colombo (Atletismo PCD, Basquete Masculino, Natação PCD e Vôlei); Caldeirão Futebol Clube (Atletismo Feminino, Atletismo Masculino, Basquete Feminino, Ciclismo, Futebol Feminino, Futebol Masculino, Futsal Masculino e Judô Masculino); Centro Esportivo MR de Piracicaba (Boxe, Capoeira e Kickboxing); Associação dos Amigos e Paradesportistas de Piracicaba (Basquete Sobre Rodas); Associação Bochofila de Piracicaba (Bocha); Associação Desportiva de Handebol 15 de Piracicaba (Handebol Feminino e Handebol Masculino); Clube de Campo de Piracicaba (Natação Feminino e Natação Masculino); Esporte Clube Rezende (Futsal Feminino e Terceira Idade) e Liga Piracicabana de Voleibol (Vôlei de Praia).

Mesmo com o fim deste chamamento, a Selam disse que planeja realizar e criar novos projetos, seguindo os ajustes que a Secretaria julgar necessário, como explica o secretário de esportes, Hermes Balbino. “Após a pandemia, a Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras abrirá novos editais, com os ajustes que consideramos necessários. Estamos consultando os profissionais que coordenaram os processos recém-encerrados para criar algo sólido e perene. O chamamento público é uma das ferramentas de promoção das atividades físico-esportivas, mas não é a única. Já estamos trabalhando para estabelecer novas frentes para o desenvolvimento do esporte local, construindo parcerias com instituições que apoiam a prática esportiva, sobretudo no aspecto da iniciação e formação”, detalhou.

Mauro Adamoli

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 − 6 =