Vacinas estão disponíveis em toda a rede pública de saúde. (Crédito: Amanda Vieira/JP)

A Secretaria de Estado da Saúde está convocando a população que ainda não está imunizada contra o sarampo e a febre amarela a se vacinar antes do feriado de Carnaval. As duas vacinas estão disponíveis na rotina dos postos da rede pública de saúde. Em Piracicaba, a Secretaria de Saúde do município informou que todas as unidades – com exceção do Crabs (Centro de Referência em Atenção Básica) da Paulista – disponibilizam as vacinas.


Segundo a pasta, as unidades oferecem o medicamento no horário de funcionamento: UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e Crabs das 7h às 16h e USFs (Unidades de Saúde da Família) das 7h às 17h. A recomendação é de que os pacientes que buscarem pela vacina cheguem uma hora após a abertura e até uma hora antes do fechamento por conta da estabilização da temperatura da vacina).


O sarampo é transmitido por aerossol, ou seja, gotículas se disseminam no ar. Por isso, os foliões que vão aproveitar as festas do feriado precisam estar protegidos.


Na última segunda-feira começou a primeira etapa campanha de vacinação contra sarampo de 2020, em parceria com o Ministério da Saúde e municípios. O foco são os jovens de 5 a 19 anos que ainda não receberam as doses da tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola).


Até o dia 13 de março, essa faixa etária pode procurar qualquer posto de vacinação do Estado. Hoje acontece o “Dia D”, quando as unidades de saúde estarão abertas para facilitar o acesso. É importante apresentar a carteira de vacinação para que o profissional verifique a necessidade de aplicação.
Além da campanha, o calendário nacional de vacinação prevê a aplicação da tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) para crianças com 12 meses, seguida de um reforço aos 15 meses. Os bebês com 6 meses devem receber a chamada “dose zero”, que não é contabilizada no calendário. Todas as pessoas com idade inferior a 60 anos precisam ter duas doses da vacinação e, por isso, também podem procurar um posto e se imunizar.


A vacina é contraindicada para bebês com menos de seis meses. A recomendação para os pais e responsáveis por crianças nessa faixa etária é evitar exposição a aglomerações, manter higienização adequada, ventilação adequada de ambientes, e sobretudo que procurem imediatamente um serviço de saúde diante de qualquer sintoma da doença, como manchas vermelhas pelo corpo, febre, coriza, conjuntivite, manchas brancas na mucosa bucal. Somente um profissional de saúde poderá avaliar e dar as recomendações necessárias.

FEBRE AMARELA
A vacina contra febre amarela leva dez dias para garantir proteção efetiva e é fundamental para toda a população, especialmente para pessoas que vão viajar para áreas verdes no Carnaval, por exemplo. Assim, quem não estiver com a vacina em dia e vai viajar no feriado, precisa procurar um posto até este sábado (15), preferencialmente. A vacina contra febre amarela está disponível para pessoas a partir de nove meses. A dose pode ser aplicada simultaneamente com a tríplice viral a partir de 2 anos de idade. Em crianças com idade inferior, será priorizada a vacina contra o sarampo e agendada a aplicação contra febre amarela para quatro semanas depois.

Beto Silva

[email protected]

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

14 − 10 =