Furto de fiação compromete aulas de escola infantil

O furto da fiação caixa de energia elétrica da Escola Infantil Aparecido Carlos Guzzi, no Jardim São José, em Piracicaba comprometeu as aulas presenciais nesta segunda-feira (28/06). A ação criminosa ocorreu durante o fim de semana. Ninguém foi preso.

Escola ficou fechada (Claudinho Coradini/JP)

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação, informou que realiza o levantamento dos danos causados pelo furto. Após essa avaliação serão feitos os reparos, o mais rápido possível.
“Infelizmente, por conta do furto, as aulas presenciais que estavam sendo ministradas no local, para o Jardim l e ll, tiveram de ser interrompidas. Mas, é importante frisar que a Escola continuará ofertando normalmente as atividades online aos alunos. A escola possui 196 crianças matriculadas de 0 a 5 anos que são atendidas do Berçário ao Jardim ll”, cita a nota

FURTOS
A Guarda Civil tem registrado um aumento no número de furtos de cabos de residências, estabelecimentos e escolas, pois esse tipo de material é vendido em ferro-velho por até R$ 35,00 o quilo. Recentemente, um guarda civil relatoi que na maioria dos casos, os responsáveis pelos furtos são usuários de drogas, que tentam conseguiu dinheiro para abastecer o vício.

No último dia 4, o furto de um relógio de energia elétrica na USF (Unidade de Saúde da Família) Vila Industrial pode ter comprometido 100 vacinas contra doenças como gripe, febre amarela, e outras de rotina, e cinco contra a covid-19.

Em abril deste ano, pelo menos 255 vacinas ficaram sob risco por conta da invasão e furto da fiação do PSF Jaraguá 1 As doses foram enviadas para análise no Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo. Das quais 39 doses foram descartadas – porque estavam próximas do vencimento, nenhuma contra covid. As outras 216 tiveram autorização para aplicação.

Cristiani Azanha
[email protected]

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

catorze + 5 =