Furto na USF Vila Industrial pode ter comprometido 100 vacinas

O furto de um relógio de energia elétrica na USF (Unidade de Saúde da Família) Vila Industrial pode ter comprometido 100 vacinas contra doenças como gripe, febre amarela, e outras de rotina, e cinco contra a covid-19. A ação criminosa ocorreu na madrugada desta sexta-feira (04). A Prefeitura informou que foi o segundo furto em 2021.

“O atendimento na unidade não foi prejudicado e a reposição do relógio aconteceu ainda pela manhã, pelos profissionais do Departamento de Obras da Secretaria de Saúde”, informou a administração municipal, em nota.

Criminosos levaram o relógio de energia (Alessandro Maschio/JP)

As vacinas foram recolhidas pelo setor de Imunização da Vigilância Epidemiológica Municipal, que enviará os frascos para análise no Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo.

RESULTADO

Na primeira quinzena de abril, a unidade do PSF (Programa Saúde da Família) do Jaraguá também teve a fiação furtada e ficou sem energia. Havia 255 doses de vacina contra a Covid-19 nas geladeiras da unidade.

As doses foram enviadas para análise no Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo. Os resultados foram concluídos nesta semana e 39 doses foram descartadas porque estavam próximas da data de vencimento. As outras 216 tiveram autorização para aplicação.

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

3 × dois =