HFC agora trabalha com o Programa de Compliance

O Programa, ainda, irá criar um canal de denúncias, onde os próprios colaboradores, prestadores de serviços, parceiros e toda a sociedade poderão direcionar, de forma anônima ou não, possíveis desvios de conduta, que serão devidamente apurados. “ (Foto: Divulgação)

Atualmente, vemos muitos casos de corrupção, subornos e desvios de materiais e medicamentos na área da saúde. Uma das medidas efetivas para minimizarmos e com sorte até extinguirmos estas ações, foi a implantação de Programas de Compliance ou de Integridade nas empresas. O HFC, preocupado com tais ações, e visando transmitir transparência aos pacientes e parceiros, do âmbito público e privado, implantou o seu próprio Programa de Compliance.

O QUE É COMPLIANCE?

Compliance é uma palavra que vem do inglês e significa “conformidade”, estar conforme, de acordo, tanto com as normas da legislação quanto com as normas da própria Instituição, que são descritas nos Códigos de Conduta, Manuais e Políticas.

“Apesar do HFC já seguir a lei e ter suas normas internas, o Programa analisa, de forma detalhada todas as rotinas já existentes, e se quando preciso adéqua-as de forma a minimizar qualquer risco de possíveis fraudes, condutas ilícitas ou práticas corruptas”, explicou o presidente do HFC, José Coral.

Menos de 20% das maiores empresas brasileiras possuem um Programa de Compliance ético implementado, e menos de 30% estão preparadas para conformidade à lei geral de proteção de dados. Um programa que vem para reforçar o nosso compromisso com a honestidade e a ética.

O Programa, ainda, irá criar um canal de denúncias, onde os próprios colaboradores, prestadores de serviços, parceiros e toda a sociedade poderão direcionar, de forma anônima ou não, possíveis desvios de conduta, que serão devidamente apurados. “Posso afirmar que o hospital é pioneiro no nosso setor filantrópico de saúde nos programas de conformidade ética e de proteção de dados. Diferente de outras empresas, não estamos implantando o programa após a ocorrência de um evento de corrupção. Queremos que nossa história de honestidade e transparência continue como sempre foi”, conclui o presidente Coral.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

catorze − 8 =