Homem perde R$ 30 mil após sofrer extorsão de mulher; acusada foi presa pela Deic

0
1.758 views
Mulher exigiu pagamento de R$ 2,5 mil (Divulgação/Deic)

Um homem perdeu aproximadamente R$ 30 mil, após sofrer extorsão de uma mulher de 24 anos. Ela teria ameaçado divulgar fotos íntimas da vítima. A acusada foi presa nesta quarta-feira (13), no Jardim Primavera, pelos policiais civis da 2ª Dise/Deic (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes, da Divisão Especializada de Investigações Criminais)

A Polícia Civil foi procurada por um homem que alegou que foi vítima de extorsão por cerca de três anos. Afirmou que saiu com uma acusada, apenas uma vez, mantiveram relações sexuais, no entanto, no dia seguinte, a mulher passou a alegar que teria filmado e fotografado tal momento íntimo, passando a exigir dinheiro para não divulgar as imagens.

A vítima firmou aos agentes que não aguentava a situação e por isso procurou os policiais. Mostrou as mensagens enviadas pela mulher, que exigia quantias em dinheiro, e inclusive marcou encontrar com a vítima de se encontrar em via pública para receber os valores, sempre utilizando do argumento que entregaria para a vítima o pen drive com as imagens íntimas, o que nunca ocorria, pois sempre recebia os valores exigidos e alegava não ter levado o pen drive.

Policiais apreenderam celular e duas porções de maconha com a mulher (Divulgação/Deic)

Entre as várias mensagens recebidas, a vítima mostrou a mais recente, que foi enviada na noite da terça-feira (12) e exigia a quantia de R$ 2.500,00, que deveria ser entregue até às 12h desta quinta-feira. O que ela não esperava era que os policiais da Dise estariam no local da transação em uma viatura descaracterizada.

Assim que a vítima chegou ao local e entregou a dinheiro para a mulher. Ela contou o dinheiro no meio da rua e foi gravada pelos policiais que estavam a uma certa distância. Enquanto isso, uma segunda equipe da delegacia, que ocupava uma viatura identificada realizou a abordagem.

Ao perceber a aproximação dos policiais, ela jogou o dinheiro ao chão, mas foi abordada. Realizada busca em sua bolsa, os agentes localizaram duas porções de maconha.

A mulher teria assumido que receberia dinheiro da vítima há alguns anos, porém disse nunca ter ameaçado ou exigido tais valores, alegando que a vítima fazia por livre e espontânea vontade.

Com relação as supostas imagens, a mulher confirmou ter registrado fotos e vídeos, porém alegou ter jogado o pen drive no rio há cerca de três dias. Os policiais estiveram na casa da suspeita, mas nenhum pen drive ou dispositivo eletrônico onde pudesse conter as fotos e vídeos mencionados foram localizados.

Na sede da delegacia especializada, a vítima autorizou acesso em seu celular, bem como das mensagens recebidas pela mulher, cedendo cópias destas para comprovar as ameaças. A acusada foi presa em flagrante sob acusação de extorsão.

LEIA MAIS

Cristiani Azanha

[email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

sete − dois =