Sedema inaugurou recintos das iguanas e dos jabutis (Foto: Fotos: Amanda Vieira/JP)

Imagine conhecer, em um só lugar, paisagens da Índia, Japão, África, e ambientes que remetem a florestas andinas ou à pré-história. Isso já é possível em uma visita ao Zoo de Piracicaba. Mas é só o começo. Em um projeto ousado, que visa reforçar o propósito de educação ambiental de forma mais lúdica e também o conforto dos animais, a Prefeitura realiza a revitalização dos recintos. Até agora, três deles – o dos tigres, dos jabutis e das iguanas – estão prontos. Outros dois estão em andamento.

O Zoológico de Piracicaba é referência para cidades da região e recebe muitas visitas de escolas. De acordo com o secretário de Defesa do Meio Ambiente, José Otávio Menten, o formato dos zoos “mudou há muito tempo e Piracicaba acompanhou essa evolução”.

Por isso, a revitalização dos recintos, que passam a ser temáticos, está em andamento: para reverter esse cenário em favor de todos os animais com a educação ambiental que ensina a respeitá-los. “Com os recintos temáticos, fornecemos mais elementos para que as professoras possam conversar com seus alunos e não apenas mostrar os animais”, observa o diretor do Zoo, Thiago Vilalta.

Segundo Vilalta, os elementos permitem que se trabalhe questões ligadas a geografia, história, biologia, clima, entre muitas outras. “No recinto da iguana, por exemplo, temos estalactites, estalagmites, fóssil, dinossauro, coisas que ligam à pré-história, da qual vem a iguana, que pode ser considerado um dinossauro vivo”, conta. Já o recinto dos jabutis está ligado ao Japão, com templos, lanternas japonesas, o Monte Fuji, entre outros elementos. O dos tigres remete à Índia. As paredes dos banheiros também ganharam mais vida com silhuetas de animais, como girafa, leão, hipopótamos, rinocerontes, hienas e elefantes.

A nova decoração do Zoo tem, ainda a preocupação com a sustentabilidade: grande parte do material usado é reciclável, como galões de água, pedaços de sobras de cano de PVC, que se completam com isopor e cimento.

ESCOLA

Um grupo de alunos do maternal 1 da Escola Municipal Deolinda Elias Cenedese, de Ártemis, visitou o Zoológico de Piracicaba. De acordo com a professora Heloísa Helena Teixeira, a visita já entra no calendário escolar no início do ano, com apoio dos pais. A ida ao espaço tem toda uma preparação, com um bate-papo antes, sobre os animais que eles verão, e rende muitos trabalhos legais, como desenhos e rodas de conversa sobre meio ambiente. Heloísa aprovou os novos recintos. “São lindos. O Zoo é muito bonito e organizado. É prazeroso estar aqui”, disse. Helena.

ADOTE UM RECINTO

Quem quiser ajudar na revitalização dos recintos do Zoo de Piracicaba pode fazer uma parceria com a Prefeitura por meio do programa Adote um Recinto.

A adoção de recintos, que pode ser feita por pessoa ou grupos de pessoas físicas ou jurídicas, consiste na execução de obras ou doação de materiais necessários para reforma ou revitalização. Para cada área ou recinto adotado haverá a permissão para a instalação de um anúncio de cooperação. No programa também está incluída a parceria para manutenção de mobiliário urbano e a conservação e preservação das áreas públicas dentro do complexo.

Para obtenção da autorização da adoção, o interessado deverá procurar a Sedema. Informações: (19) 3421-3425

Da Redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

sete − dois =