A Polícia Militar Ambiental multou em R$ 14.500 um homem que foi flagrado com aves silvestres em sua residência, em Iracemápolis, anteontem. O suspeito teria se apresentado com criador de pássaros. No interior de sua residência, os policiais teriam constatado 15 aves em seu plantel, das quais nove delas era da fauna silvestre sem anilhas ou outra identificação. Além de outra ave silvestre anilhada sendo utilizada como chama, com um alçapão acoplado a sua gaiola e também uma ave com anilha aparentemente adulterada(cortada).
Além da multa, o infrator vai responder por crime ambiental. As aves sem anilhas foram apreendidas e soltas em habitação natural, gaiolas destruídas e descartadas no eco ponto do município de Santa Gertrudes. (Imagens: Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

20 − 4 =