Mãe e filho que pularam de sacada têm alta médica; agressor teve prisão preventiva decretada pela Justiça

Mulher e filho de 9 anos pularam de sacada (Divulgação/PM)

Um pedreiro de 32 anos, que foi acusado de tentar matar a esposa e o filho teve o mandando de prisão preventiva decretado pela Justiça, após ser apresentado à audiência de custódia, nesta segunda-feira (18). Ele foi acusado de tentar matar a esposa, uma autônoma de 37 anos e o enteado de 9 anos, na noite da última sexta-feira (15). Mãe e filho pularam da sacada da própria casa, para escaparem do agressor que segurava uma faca, O acusado também teria dado bebidas alcoólicas ao garoto.

A mulher fraturou a bacia após pular da sacada da própria casa, em Rio das Pedras na noite da última sexta-feira (15) para escapar das ameaças do marido, que portava uma faca. Ela ficou internada, mas foi liberada no domingo (17). O filho dela, de 10 anos, também ficou internado, mas teve alta no sábado.

O CASO

Vizinhos encontraram mãe e filho na calcada e acionaram a ambulância para atendimento às vítimas. A Polícia Militar localizou o agressor ainda no interior da casa. O suspeito estaria sob efeito de bebidas alcoólicas e também teria obrigado que o menor também fizesse a ingestão da bebida.

A vítima informou aos PMs que o companheiro teria ameaçado-a com uma faca e ameaçou a acabar com a vida da companheira e do enteado.  .

O comandante do 10º BPM/I (Batalhão da Polícia Militar), tenente-coronel Alexandre Bergamasco Pedro disse que a PM tem intensificado o atendimento às vítimas de violência doméstica. “Queremos que as equipes cheguem o mais rápido possível”, disse.

LEIA MAIS

Cristiani Azanha

[email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

1 + seis =