Familiares estiveram no plantão policial (Claudinho Coradini/JP)

Uma mulher esfaqueou o próprio filho no peito, na residência da família, no Novo Horizonte, na tarde de ontem (17). As primeiras apurações da polícia informam que o rapaz teria chegado em casa alterado e passou a quebrar móveis e objetos. Ele se dirigiu em direção à mãe, que acabou atingindo-o com uma faca.

O rapaz foi socorrido pela equipe Resgate do Corpo de Bombeiros e levado ao HFC (Hospital Fornecedores de Cana). Segundo a Polícia Militar, a mulher foi conduzida ao plantão policial, onde prestou depoimento ao delegado Airton Jaguanharo Correa. Ela foi liberada após apresentar sua versão sobre o ocorrido.

LEIA MAIS

Os policiais não confirmaram se ocorreram outros casos de agressões ou ameaças envolvendo o rapaz. Enquanto a ocorrência era registrada no plantão policial, vários familiares estiveram na delegacia para acompanharem o caso. As circunstâncias sobre o fato está sendo apurado pela Polícia Civil, que informou à reportagem que o rapaz continuava internado até a noite de ontem, no entanto, seu estado de saúde não foi divulgado.  Apurações preliminares informam que o rapaz, possivelmente, estava sob efeito de entorpecentes, mas todos os fatos sobre o caso serão apurados durante o inquérito policial.

GRÁVIDA

A Polícia Civil também apura a morte da estudante Samira Mariano de Oliveira, 18, que estava grávida de seis meses. De acordo com o boletim de ocorrência, a mãe da estudante disse que ambas foram dormir, na casa da família, no Jardim São Jorge, mas durante a madrugada de ontem percebeu que ela passava mal. Ela acionou o Samu, mas os socorristas constataram que a gestante e o feto não resistiram. O caso foi registrado no plantão policial como morte suspeita. O exame necroscópico realizado pelos peritos do IC vão confirmar a causa da morte da mãe e do feto.

Cristiani Azanha

[email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

1 × 1 =