Magic Paula comemora início do Brasileiro Feminino no próximo final de semana

Magic Paula comemora início do Brasileiro Feminino no próximo sábado - Crédito foto: reprodução/CBB

O Campeonato Brasileiro Feminino de Basquete começa nesse sábado, dia 18, com início da competição que terá a participação de 16 equipes que disputam o torneio.

Desde que assumiu a vice-presidência da CBB (Confederação Brasileira de Basketball), a diretora do basquete feminino, Magic Paula, trabalhou ao lado da presidência e da coordenação técnica para tornar o campeonato possível.

Ao lado do CBC (Comitê Brasileiro de Clubes), o Brasileiro Feminino começa neste sábado com a primeira rodada de jogos no Ginásio Marcelino Lopes, na capital de Pernambuco. A ex-atleta e agora vice-presidente da CBB, Magic Paula comemora: “Acredito que este momento é um sonho que muitas jogadoras que amam o basquete irão vivenciar. Queremos que outras garotas tenham oportunidade de mostrar seu trabalho e ampliar este leque para descobrir os jovens talentos que podem estar espalhadas pelo nosso país.” – disse Magic Paula, que estará na abertura do evento neste sábado, no Recife.

O ginásio Marcelino Lopes, do Sport, será a sede da Conferência Heleninha. Entre os dias 18 e 25 deste mês, oito equipes duelam no começo da disputa pelo título da competição.

Além do Sport Recife/RD Sports, o anfitrião, a conferência conta com Nosso Clube/Instituto Vitaliza/PE, Aeroclube/RN, Clube Campestre/PB, Bradesco Esportes/SP, Sociedade Thalia/PR, JEC/SGJ/SESPORTE/SC e AGEFB-Basket São José-ELASE/SC. As partidas serão transmitidas pela CBB TV e os canais parceiros Esporte Clube Basquete, De Bandeja com Renatinho e NBA das Mina.

A Conferência Delcy, com sede em Brasília, entre 3 e 12 de outubro, contará com Cerrado Basquete/DF, Sociedade Recreativa Mampituba/SC, São José dos Pinhais/Guaxo/PR, Pindamonhangaba/SP, ABASFI Foz do Iguaçu/PR, APAGEBASK/SP, Maracaju Basquete Clube/MS e ADRM Maringá/PR.

O Brasileiro Feminino respeitará todos os protocolos de saúde contra a covid-19, com testes RT-PCR antes do começo dos jogos de cada sede, além de cuidados de higiene e distanciamento social.

Edilson Morais

[email protected]

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

14 − 11 =