Mais de 300 ton de resíduos são retirados de Ecoponto

No 1º dia foram retirados 75 toneladas de resíduos. (Foto: Divulgação)

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Sedema), realizou a limpeza do Ecoponto do Jardim Santo Antônio. O trabalho teve início no dia 30 de março e foi finalizado na terça (06). Foram retiradas do local 300 toneladas de resíduos da construção civil e restos de poda de árvores, em 64 viagens com caminhões tipo truck da Sedema. O material foi levado à CTR Palmeiras.

Com a limpeza, o Ecoponto do Jardim Santo Antônio já está aberto para o descarte de material, com controle: cada cidadão pode descartar nos ecopontos, por dia, 1 m3 .

JARDIM ORIENTE

Em parceria com a Hyundai, Simespi (Sindicato Patronal das Indústrias e Fundições) e comunidade, a Sedema iniciou ontem, 07/04, a limpeza do Ecoponto do Jardim Oriente.

Só no primeiro dia de trabalho foram retiradas 75 toneladas de resíduos. Após a retirada de todo o material será feita a recuperação das cercas, implantação de câmeras de monitoramento e controle de acesso.

A limpeza do Ecoponto do Jardim Oriente dá início à primeira fase de remoção dos resíduos nos 7 Ecopontos da cidade, que terá a parceria da iniciativa privada, de entidades e comunidade, na campanha intitulada Juntos Somos Mais.

De acordo com Marcos Yassuo Kamogawa, secretário da Sedema, a secretaria não dispunha de orçamento para esta ação, por isso foi em busca da parceria, que irá garantir a cessão de caminhões para remoção do material dos ecopontos. Kamogawa calcula que, ao todo, serão necessárias 750 viagens de caminhão para limpar todos eles.

“Solicitamos o apoio das empresas para que pudéssemos remover estes materiais e destinar para os locais corretos e a Hyundai e o Simespi são os nossos primeiros apoiadores nesta empreitada”, comemorou Kamogawa.

O Ecoponto é importante para um município do porte de Piracicaba, entre outros motivos, porque ali é possível centralizar o descarte de materiais de forma organizada.

Quando os Ecopontos ainda não haviam sido implantados, esses materiais eram descartados em áreas verdes, nas ruas, nas calçadas, causando transtorno em função do acúmulo de entulho em determinados lugares, chamados viciados.

Da Redação

LEIA MAIS:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

5 − 4 =