Mato no Castelinho preocupa

O castelo que havia no antigo bairro São Miguel e que deu o nome do bairro como “Castelinho” hoje é um terreno abandonado tomado pelo mato e com entulho na calçada, o que causa insegurança para os moradores da região.

Após a estrutura ser demolida, o terreno foi encoberto com tapumes, que foram derrubados pelas chuvas recentes. O local fica na rua Dr. Lula, 566.



Está perigoso tanto para nós que estamos de idade avançada quanto para criança, porque está demais o mato. Já liguei para prefeitura duas vezes e não tive nenhuma resposta até agora. Nós estamos aqui correndo risco”, conta a porteira Fátima Godoy, de 62 anos, que passa pelo local à noite, quando vai a pé para sua casa que fica próxima ao local.

Os tapumes caíram, não tem quase calçada, está só mato e estão colocando entulho também na calçada e dentro do terreno. […] É um perigo, porque trabalho, passo aí, tem muitas pessoas que entram para usar droga”, complementa Fátima.

Logo atrás do terreno tem uma área verde da prefeitura, que facilita o acesso de qualquer pessoa ao local. Recentemente, Fátima, ao voltar para casa, foi surpreendida por um homem que entrava no terreno. “Tinha um homem forte que entrou lá, ficou me olhando, passei do outro lado da calçada. Ele continuou me olhando, abaixou a cabeça, deu uma risada, entrou no mato e eu fui embora. Estava correndo risco. Eu acho que se fosse mais jovem teria acontecido alguma coisa”, lembra a porteira.

Nós pedimos providência para a prefeitura porque o proprietário não limpa o terreno, a prefeitura podia tomar uma iniciativa, limpar e mandar a conta pra ele. Acho que no fim quem vai limpar somos nós. Ou a gente limpa ou vamos correr o risco aí”, desabafa Fátima.

Em nota, a Sedema informou que o local já foi vistoriado e autuado. “O proprietário sofreu mais que uma autuação por causa do mato e por causa da presença de entulho”, informou.

Andressa Mota

[email protected]