Melhorias em vicinal não têm acréscimo no contrato

O diretor da Artesp informou que o assunto está resolvido e faltam apenas pequenos detalhes para refinamento do cronograma (Foto: Amanda Vieira/JP)

Uma reunião online realizada ontem com o deputado estadual Roberto Morais (Cidadania), o secretário municipal de Trânsito e Transportes de Piracicaba, Jorge Akira e o diretor de operações da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), Alberto Silveira Rodrigues, ratificou o compromisso assumido pela concessionária Eixo, na semana passada, para o asfaltamento e conservação de um trecho de quatro quilômetros da estrada vicinal, conhecida como Estrada da Pedreira, que liga o bairro de Santana à rodovia Hermínio Petrin (SP 308) até o viaduto de acesso à Raízen.

De acordo com Morais, a novidade anunciada pelo diretor da Artesp é que a concessionária aceitou executar a obra sem o reequilíbrio financeiro, ou seja, sem ônus ou adicional de custo no contrato de concessão.

“Pela primeira vez vejo uma concessionária assumir uma obra adicional, não contratual, sem equilíbrio financeiro, e entendo que foi uma grande vitória das negociações que conduzimos junto às prefeituras e Câmaras de Vereadores de Piracicaba e Charqueada para conquistar essa pavimentação e a mudança da praça de pedágio”, avaliou.

O diretor da Artesp informou que o assunto está resolvido e faltam apenas pequenos detalhes para refinamento do cronograma das obras que será definido em comum acordo com a presidência da concessionária Eixo. “Vamos definir a data de início do recape antes que o acesso seja fechado para que a população não seja prejudicada”, esclareceu Rodrigues.

“Essa conquista é resultado de uma grande batalha para chegarmos a esse ponto de convergência, prevalecendo o interesse maior em atender a população!”, afirmou.

A manutenção da parca de pedágios no quilômetro 182 e melhorias no acesso do bairro foram defendidas pelos moradores dos bairros Santana e Santa Olímpia quando do anúncio da concessão da rodovia.

Beto Silva