Mesatenista Luiz Filipe Manara se prepara para os Jogos Paralímpicos

Será a segunda participação de Manara nas Paraolimpíadas CRÉDITO: Fran TT Training Center

O mesatenista da Fran TT, Luiz Filipe Guarnieri Manara é um dos integrantes da delegação brasileira que participará dos Jogos Paralímpicos de Tóquio, em 2021.

Para chegar bem preparado para representar o Brasil nos jogos do Japão, o atleta, que é natural de Mogi Mirim, treina diariamente no Centro de Treinamento da Fran TT, sob a supervisão do técnico Paulo Cesar Bueno de Camargo. A rotina de treinamento ganhou força a partir de agosto, após vários meses de paralisação devido as limitações impostas pela pandemia. “O técnico Paulo trabalha algumas técnicas para que possa surpreender os adversários com um jogo mais agressivo e até arriscado, já que sou o atleta que vai correr por fora para alcançar a classificação em minha classe, a classe 8”, comentou.

Luiz Filipe Manara e o mesatenista Carlos Alberto Carbinatti Júnior, também da equipe Fran TT, são os únicos que não integram a seleção brasileira permanente de andantes que conquistaram as vagas para os Jogos Paralímpicos de Tóquio. “A nossa classificação mostrou a todos que estamos no caminho certo, buscando os nossos sonhos e objetivos, num dos melhores centros de treinamentos do Brasil e do mundo e com um técnico competente e que já esteve à frente da seleção brasileira. Esses são fatores motivadores para representar o nosso país com reais condições de alcançar bons resultados”, detalhou.

Essa será a segunda participação de Luiz Filipe Manara em paralimpíadas. Na primeira oportunidade, o atleta esteve presente nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, após a conquista de sua vaga nos Jogos Parapanamericanos de Toronto, no Canadá, no ano de 2015. Para jogar em Tóquio, o atleta foi o campeão da classe 8, no Parapan de Lima, no Peru, em 2019.

Manara acredita que os jogos de Tóquio serão maravilhosos, porque é conhecida a capacidade dos japoneses em organizar grandes eventos, principalmente nesta oportunidade em que a promessa é ter à disposição a mais avançada tecnologia que deve facilitar a vida dos atletas e torcedores.

Quando fala de suas chances em conquistar a classificação à segunda fase da competição, Manara é cauteloso, pois sabe que os adversários chegam fortes para representarem os seus países. “A classe 8 é uma das mais equilibradas do circuito mundial e conta com fortes adversários como os chineses, ucranianos e os ingleses. Mas, pensando nos treinamentos em Piracicaba e na experiência de estar em minha segunda paralimpíada, acredito nas minhas chances e num bom desempenho na competição. Cada jogo e cada vitória será resultado do que estamos fazendo em Piracicaba nesta fase de preparação”,ressalta Manara.

LEIA MAIS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

14 + dezesseis =