Ministério entrega material textil para confeção de máscaras em SP

Ministério entrega material textil para confeção de máscaras em SP
Fonte: Agência Brasil

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos entregará hoje (14) a primeira remessa de material têxtil reutilizável que servirá para a confecção de máscaras de proteção, mochilas e sacos de dormir para a população em situação de rua, como medida de combate ao novo coronavírus. Os tecidos foram reaproveitados de uniformes usados por profissionais dos Correios e têm como destino o Centro Social Nossa Senhora do Bom Parto (Bompar), localizado em São Paulo.

O ministério informou à Agência Brasil que o volume é de 300 camisas e 40 malotes. “O restante do material, totalizando 3.680 itens, será entregue posteriormente, em dois lotes, de acordo com a disponibilidade”, acrescentou em nota. A ação tem como base o programa EcoPostal dos Correios, que visa promover o descarte adequado de materiais que não têm mais serventia para a empresa mas que ainda podem ser aproveitados.

A Bompar atende a cerca de 10 mil pessoas em situação de rua e pretende produzir em torno de 30 mil máscaras para proteção. Também no âmbito do enfrentamento à covid-19, a instituição organiza, atualmente, uma campanha que tem como meta doar 200 cestas básicas, 200 kits de limpeza e 500 de itens de higiene.

Para a próxima semana, está prevista a entrega de tecidos para a Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais (Business and Professional Women – BPW), de Brasília, grupo que atua no empreendedorismo e desenvolvimento da liderança de mulheres. A mobilização conta com o apoio de 26 instituições que se cadastraram na plataforma do Programa Nacional de Incentivo ao Voluntariado, também chamado de Pátria Voluntária, que ainda está recebendo inscrições de entidades que queiram participar da confecção e da distribuição do material têxtil reutilizável.

Ministério entrega material textil para confeção de máscaras em SP