Morador reclama de demora em reparo de calçada em Santa Terezinha

A grade do bueiro está sem fixação e falta parte da guia | Foto: Amanda Vieira/JP

A calçada e bueiro da esquina da rua Santo Inácio de Loyola com a rua João Degaspari no bairro Santa Terezinha não foram reparados depois de um conserto de vazamento de água há cerca de 20 dias, segundo morador que reclama da demora para finalização do serviço.


Delmiro Donizete Conte, morador do bairro, conta que a empresa responsável por arrumar o vazamento d’água “destruiu” a calçada e que não consegue consertá-la porque faltam a guia e o assentamento da grade do bueiro. “Destroem tudo e depois deixam assim, quero consertar minha calçada e não posso. Cadê o assentamento da grade e a guia?”, questiona.


Nas imagens, é possível observar que o asfalto ao redor do buraco do bueiro foi recém reparado, mas a grade está sem fixação, além de faltar parte do concreto e da guia na calçada. Conte ressalta que a situação causa perigo. “Está muito perigoso. Pode cair um carro ou uma pessoa”,
enfatiza.

LEIA MAIS:


Questionada pela reportagem, a Semob informou que um encarregado foi até o local “e constatou a necessidade dos devidos reparos”. “Os serviços serão feitos até sexta-feira dessa semana”, afirmou em nota.


O Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto), por sua vez, afirmou que não há em seu histórico registro de realização de serviço no endereço citado pela reportagem.

Andressa Mota

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, digite o seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

dezenove − 18 =