Morre Jacó Bittar, ex-prefeito de Campinas; Prefeitura decreta luto de três dias

Foto: Divulgação

Morreu na madrugada desta quinta-feira (26), o ex-prefeito de Campinas, Jacó Bittar, aos 81 anos. Ele foi chefe do Executivo de 1989 a 1992 e lutava contra o mal de Parkinson.

O atual prefeito Dário Saadi lamentou a morte do ex-prefeito Jacó Bittar e decretou luto oficial de três dias na cidade de Campinas. “Campinas perde um dos seus principais personagens da política, principalmente das décadas de 1980 e 1990. Um dos mais destacados sindicalistas do país, Jacó foi marcante em várias conquistas para a classe sindicalista de Campinas e região. Também foi importante na fundação do Partido dos Trabalhadores. Na época em que foi prefeito, de 1989 a 1993,  acabara de me formar em Medicina e fazia residência em urologia no Hospital Mário Gatti e na Casa de Saúde. Em sua homenagem, vamos decretar três dias de luto oficial em nossa cidade. Meus sinceros sentimentos à família e aos amigos”, informou o atual prefeito.

O ex-prefeito de Piracicaba, José Machado, também lamentou a morte de Bittar em sua página na rede social Facebook. “Faleceu hoje, aos 81 anos, depois de uma longa enfermidade, o ex-Prefeito de Campinas, Jacó Bittar. Fomos prefeitos no mesmo período (1989-92) e no ano de 1989, juntamente com outros prefeitos de municípios que compõem a bacia hidrográfica dos Rios Piracicaba e Capivari, fundamos o Consórcio Intermunicipal correspondente, destinado a combater, num esforço contínuo e de longo prazo, a degradação hidro ambiental dessa bacia. Poucos anos depois, foi incorporada a esse Consórcio a bacia hidrográfica do Rio Jundiaí. Rendo minha homenagem póstuma a Jacó Bittar e me solidarizo com seus amigos e familiares.”

LEIA MAIS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário!
Por favor, entre com seu nome

4 × 2 =